Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1095
Tipo do documento: Dissertação
Título: DESENVOLVIMENTO DE MODELOS ALOMÉTRICOS PARA ESTIMAR BIOMASSA E CARBONO DE MUDAS DE ESPÉCIES ARBÓREAS, EM ÁREAS ATINGIDAS POR TEMPESTADES DE VENTO EM MANAUS (AM)
Autor: Ribeiro, Gabriel Henrique Pires de Mello 
Primeiro orientador: Higuchi, Niro
Primeiro membro da banca: Rossi, Luiz Marcelo Brum
Segundo membro da banca: Krug, Thelma
Terceiro membro da banca: Cavalcanti, Francisco Jose de Barros
Resumo: Usando um arquivo de dados com 504 indivíduos arbóreos pertencentes à regeneração natural (de 30 cm em altura e DAP < 5 cm), foram testados dez modelos alométricos, sendo cinco logarítmicos e cinco não lineares para estimar a biomassa seca total de mudas em pé. Os dados foram coletados de forma destrutiva, na região de Manaus (AM), em um sítio de floresta de terra-firme sobre platôs de latossolo amarelo, atingido por tempestades convectivas no ano de 2005. Os micro sítios criados pela passagem do distúrbio permitiram a coleta de indivíduos que chegaram a área após o evento, evitando a coleta de indivíduos com mais de 5 anos. O arquivo de dados foi dividido nas diferentes categorias de tamanho; categoria RN 1 (de 30 a 50 cm em altura), RN 2 (de 50 a 100 cm em altura), RN 3 (de 100 a 200 cm em altura), RN 4 (de 200 cm em altura e < 5 cm DAP) e 38 indivíduos de Goupia glabra Aubl. (cupiuba) pertencentes ao arquivo (4cat). O material foi seco em estufa a 65°C até atingir peso constante e moído até a consistência de pó. Para todo o arquivo de dados seis modelos estimam precisamente o peso, para RN 1 nenhum modelo, RN 2 oito modelos, RN 3 seis modelos, RN 4 um modelo e para o arquivo de dados de cupiuba dois modelos, sendo o afastamento entre a média observada e estimada menor que 5%. O uso de todo o arquivo de dados é mais consistente que o uso de equações para as diferentes categorias de tamanho. Para todo o arquivo de dados o modelo não linear com apenas uma variável independente, o diâmetro de colo, apresenta resultados tão consistentes e precisos quanto os modelos que incluem a variável altura total. Os indivíduos das categorias RN 1 e RN 2 não foram compartimentados, a RN 3 foi dividida em raízes e parte aérea e a RN 4 em raízes, caule e folhas. Os teores médios de carbono para as diferentes categorias e seus diferentes compartimentos são os seguintes: RN 1 e RN 2 (45,25% ± 0,07), RN 3 raízes (41,84% ± 0,10) e parte aérea (47% ± 0,05), RN 4 raízes (44,77% de ± 0,11), caule (46,05% ± 0,06) e folhas (47,37% ± 0,08). As médias ponderadas para esses teores são: RN 3 (46,05% ± 0,06), RN 4 (46,15% ± 0,07) e 4 cat (46,04% ± 0,07), todos a um IC 95%. Não foi possível pelo método de covariância (variáveis dummy) o uso de uma única equação para estimar biomassa seca total das diferentes categorias de tamanho de mudas. A equação gerada pelo modelo 6 para todo o banco de dados, pode ser utilizada para acompanhar a dinâmica do carbono da regeneração natural bem como ser utilizado, para estimar sequestro de carbono na fase inicial de plantios com espécies de florestas tropicais.
Abstract: A data set with 504 trees belonging to the natural regeneration (from 30 cm in height and < 5 cm dbh), was used to test 10 allometryc models, five linear and five non linear, to estimate total dry biomass of standing seedlings and saplings. The data was collected destructively, near Manaus (AM), Central Amazonia, on a site covered by dense terra-firme moist forest on plateaus dominated by yellow oxisols, affected by wind storms in 2005. The micro sites created by the wind gust made possible the access to individuals that came to the area after the disturbance. The data set was divided in different size categories. The hole data set (4 cat), RN 1 (30-50 cm in height), RN 2 (50-100 in height), RN 3 (100-200 cm in height), RN 4 (from 200 cm in height and less than 5 cm dbh) and 38 individuals of Goupia glabra Aubl. (Cupiuba) belonging to the 4 cat. For the whole data set 6 models estimated precisely the dry biomass, for RN 1 non models, RN 2 eight models, RN 3 six models, RN 4 one model, and two for cupiuba, being the difference between observed and estimated mean dry weight below 5%. The use of the whole data set produces more consistent results than the use of the different size categories. For 4 cat the use of non linear model with a single independent variable, root collar diameter (Dc), presents results as consistent and precise as the models that include seedling and sapling total height in the model. The individuals belonging to RN 1 and RN 2 was not divided in biomass components, RN 3 was divided in roots and shoot, RN 4 in roots, steams and foliage. The mean carbon content for the different size categories and different biomass components are: RN 1 and RN 2 (45,25% ± 0,07), RN 3 roots (41,84% ± 0,10), shoot (47% ± 0,05), RN 4 roots (46,15% ± 0,11), steam (46,05% ± 0,06) and foliage (47,37% ± 0,08). The weighted means are: RN 3 (46,05% ± 0,06), RN 4 (46,15% ± 0,07) and 4 cat (46,04% ± 0,07). The use of a single equation to estimate total dry weight to represent the different size categories, applying the covariance analysis with dummy variables was not possible. The regression equation of the model six to represent the whole data set can be used to follow carbon dynamics for natural regeneration seedlings and saplings, as well as to estimate carbon sequestration in the beginnings of reforestation/afforestation activities.
Palavras-chave: Regeneração natural
Reflorestamento
Sequestro de carbono
Distúrbios naturais
Natural regeneration
reforestation
carbon sequestration
natural disturbances
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Manejo florestal, Silvicultura
Programa: Ciências de Florestas Tropicais
Citação: RIBEIRO, Gabriel Henrique Pires de Mello. DESENVOLVIMENTO DE MODELOS ALOMÉTRICOS PARA ESTIMAR BIOMASSA E CARBONO DE MUDAS DE ESPÉCIES ARBÓREAS, EM ÁREAS ATINGIDAS POR TEMPESTADES DE VENTO EM MANAUS (AM). 2010. 88 f. Dissertação (Mestrado em Manejo florestal, Silvicultura) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1095
Data de defesa: 10-Mai-2010
Aparece nas coleções:Mestrado - CFT

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Gabriel_Ribeiro.pdf2,54 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.