Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1437
Tipo do documento: Dissertação
Título: O efeito da estocagem de juvenis na abundância do tambaqui (Colossoma macropomum Cuvier, 1818) em lagos de várzea na Amazônia Central
Autor: Martins Junior, Heitor 
Primeiro orientador: Araujo-lima, Carlos A. R. M.
Primeiro membro da banca: Magnusson, William Ernest
Segundo membro da banca: Batista, Vandick da Silva
Terceiro membro da banca: Roubach, Rodrigo
Quarto membro da banca: Freitas, Carlos Edwar de Carvalho
Resumo: O tambaqui é um dos peixes mais conhecidos e apreciados como alimento na Amazônia. Atinge grande valor na economia regional, portanto é um importante produto da várzea. No entanto, existem fortes indícios de que a população natural esteja deprimida devido a sobrepesca. A estocagem pode ser uma alternativa para mitigar a depleção dos estoques naturais e aumentar a produção. O objetivo do trabalho foi testar a viabilidade da estocagem de juvenis de tambaqui em lagos de várzea da Amazônia Central. Em 2000 e 2000, foram colocados, respectivamente, 1000 e 1500 juvenis tambaqui/ha (5cm) em cinco lagos. O efeito do repovoamento foi avaliado através da variação na abundância de peixes. A densidade populacional após seis meses da estocagem foi estimada por marcação e recaptura (Schumacher-Eschemeyer). A viabilidade econômica da estocagem foi avaliada pela relação custo-benefício. Foram determinados os principais peixes predadores e testada a hipótese da existência de uma inter-relação ecológica que explicasse a abundância de tambaqui encontrada nos lagos de várzea. Os resultados mostram um forte padrão no comportamento da oscilação da CPUE dos lagos experimentais. Nos anos de estocagem, ocorreu aumento da CPUE e um decréscimo no ano sem tratamento. A chance deste comportamento ocorrer ao acaso é muito baixa (0,001). Porém não houve diferença significativa entre as abundâncias dos lagos estocados e controle. As taxas de recaptura variaram entre 1,35% (lago Jacaretinga) e 2,15% (lago Cavalo). As densidades encontradas foram baixas; 6 (2000) e 15 (2001)ind/ha no lago Jacaretinga e 32 ind/ha no lago Cavalo (2001). De 80 predadores analisados, 20% consumiram juvenis de tambaqui. Os principais peixes predadores foram: Serrasalmus rhombeus (piranha preta), Pygocentrus nattereri (piranha caju) e Acestrorhynchus falcirostris (peixe cachorro). Não foi encontrada relação entre competição, predação e a área dos lagos, que explicasse a abundância de tambaquis. Em conclusão, a estocagem é uma alternativa economicamente viável como piscicultura extensiva, que pode elevar a abundancia de tambaqui em alguns lagos, porém não é claro se é uma estratégia de manejo efetiva para aumentar a produção de tambaqui da bacia Amazônica.
Abstract: Tambaqui is one of the most known and appreciated fish. Its flesh attain high value in regional economy, therefore it is an important product of the floodplain. There are strong indications that natural population is depressed due to over fishing. Stock enhancement can be used to mitigate depletion of natural populations and to increase production. The objective of this work was to test the viability of stock enhancement of tambaqui juveniles in floodplain lakes in Central Amazon. In 2000 and 2001 five lakes were treated by adding 1000 and 1500 juveniles tambaqui/ha (5cm). The effect of stocking was inferred by variation in abundance of tambaqui. The population density six months after stocking was estimate trough marking and recaptures method (Schumacher-Eschemeyer). Economic viability of the stock enhancement was evaluated by cost-benefit relationship. Main predators of juvenile tambaqui were identified and the existence of an ecological interrelation explaining the variation of abundance of tambaqui in the floodplain lakes was examinated. Findings evidenced strong oscillation of the catch per unit effort (CPUE) in experimental lakes, however no significant difference was detected between abundance of treated and control lakes. It was evidenced an increase of the CPUE in years of stocking and a decrease in the year without treatment. The possibility of this behavior is very low (0.1%). The adjusted of recapture rates of stocked fish varied, between 1.35% (lake Jacaretinga) and 2.15% (lake Cavalo). Tambaqui densities were low, 6 and 15 ind/ha in the lake Jacaretinga (2000 and 2001) and 32 ind/ha in the lake Cavalo (2001). Gut content of 80 individual predators were analyzed evidencing that 20% of them had consumed tambaqui juvenile. Serrasalmus rhombeus, Pygocentrus nattereri and Acestrorhynchus falcirostris were the main predators. Variation in tambaqui abundance was not explained by variation of competitors, predators or lake area. We concluded that stock enhancement is a viable alternative, as extensive aquaculture, and can increase tambaqui abundance in some lakes, however it is not clear if this management strategy effectively increases the tambaqui production in the Amazon basin.
Palavras-chave: Colossoma macropomum
Estocagem
Manejo de lagos
Lagos de várzea
Amazônia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: MARTINS JUNIOR, Heitor. O efeito da estocagem de juvenis na abundância do tambaqui (Colossoma macropomum Cuvier, 1818) em lagos de várzea na Amazônia Central. 2003. 64 f. Dissertação (Mestrado em Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2003.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1437
Data de defesa: 4-Jul-2003
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Heitor_Martins-Jr.pdf461,37 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.