Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1446
Tipo do documento: Dissertação
Título: Adaptação de um Índice de Integridade Biótica para igarapés da Amazônia Central, com base em atributos ecológicos da comunidade de peixes
Autor: Galuch, André Vieira 
Primeiro orientador: Zuanon, Jansen Alfredo Sampaio
Primeiro membro da banca: Penha, Jerry Magno Ferreira
Segundo membro da banca: Araujo, Francisco Gerson
Terceiro membro da banca: Nessimian, Jorge Luiz
Quarto membro da banca: Casatti, Lilian
Quinto membro da banca: Freitas, Carlos Edwar de Carvalho
Resumo: A área do Distrito Agropecuário da Superintendência da Zona Franca de Manaus está inserida em uma região da Amazônia Central que abriga grande diversidade biológica e de ecossistemas, e está sofrendo impactos ambientais decorrentes da expansão da cidade de Manaus. Dessa forma, conhecer a ictiofauna de igarapés de terra-firme da região e adaptar um Índice de Integridade Biótica (IIB), podem auxiliar na identificação de impactos em curso e na prevenção da degradação de ambientes aquáticos, além de contribuir para a elaboração de estratégias de conservação e recuperação de áreas degradadas. As amostragens foram realizadas entre os meses de abril e agosto de 2004 em 30 igarapés de 1ª e 2ª ordens (Cuieiras n = 11; Tarumã n = 6; Preto da Eva n = 6 e Urubu n = 7) em trechos de 50 m dos igarapés. Os peixes foram capturados com puçás, peneiras e redes de arrasto. Foram registradas informações sobre o ambiente e algumas variáveis físico-químicas da água para caracterizar a heterogeneidade natural do ambiente, bem como eventuais modificações produzidas por ações antrópicas. Foram capturados 2674 exemplares de peixes, pertencentes a 87 espécies, 22 famílias e seis ordens. Characiformes foi o grupo que apresentou a maior riqueza (39 espécies), representando 67% do total de exemplares coletados, seguido de Siluriformes com 17 espécies, Perciformes (14), Gymnotiformes (12), Synbranchiformes (3) e Cyprinodontiformes (3). Apesar de Cyprinodontiformes apresentar somente três espécies, foi a segunda em abundância com 11,4% dos exemplares, seguida dos Perciformes (8,6%), Gymnotiformes (6,9%), Siluriformes (5,3%) e Synbranchiformes (0,7%). As variáveis ambientais foram analisadas através de uma PCA (Análise de Componentes Principais) juntamente com um protocolo ambiental (IIA) para verificar a relação do IIB com as características ambientais. Os dados da abundância da comunidade de peixes foram sumarizados com um Escalonamento Multidimensional Não-métrico (NMDS) para verificar as relações com o IIB. O IIB apresentou correlação significativa somente com o eixo 1 da PCA (Pearson, r = -0,62; p < 0,001), com os resultados do IIA (Pearson, r = -0,63; p < 0,001) e com a composição de espécies de peixes (eixo 1 da NMDS; Pearson, r = 0,48; p = 0,007). A aplicação do Índice de Integridade Biótica produziu alguns resultados discrepantes, com valores baixos para igarapés supostamente livres de impactos, e altos para certos igarapés com indícios de alterações ambientais. A despeito dessas inconsistências, os valores do IIB foram significativamente diferentes entre os igarapés íntegros e alterados (U = 145; p = 0,012). Apesar de o IIB estar sendo adaptado com grande sucesso em diversas regiões do mundo, precisa ser avaliado com cautela para a Amazônia Central. As características do ambiente e a grande diversidade de espécies encontradas na região tornam a adaptação do índice um pouco mais complexa, e serão necessárias mais informações para estabelecer e refinar medidas mais adequadas e consistentes.
Abstract: The Distrito Agropecuário da Zona Franca de Manaus (DAS) is inserted in the Central Amazon, a region that harbors high biological and ecosystems diversity, and that is suffering the environmental impacts resulting from the urban growth of Manaus. In the present study we aimed to know the fish fauna of the forest streams of the DAS and adapt an Index of Biotic Integrity (IBI) based on the characteristics of those fish assemblages. Our main objective was to gather information that could help identifying, monitoring and mitigate environmental impacts in aquatic systems. The samples were obtained in 30 streams of 1st and 2nd order, from four hydrographic basins (Cuieiras river, n = 11; Tarumã river, n = 6; Preto da Eva river, n = 6 and Urubu river, n = 7). Fish collecting and environmental data gathering were done in 50-m stream reaches. The fish were captured with hand nets, metallic sieves and small seine nets. Data on environment characteristics and some water quality parameters were also recorded in each sampling station. 2674 fish were captured, belonging to 87 species, 22 families and six orders. Characiformes showed the greatest richness (39 species), representing 67% of the total number of specimens collected, followed by Siluriformes with 17 species, Perciformes (14), Gymnotiformes (12), Synbranchiformes (3) and Cyprinodontiformes (3). Cyprinodontiformes was the second in abundance with 11.4% total number of specimens collected, followed by Perciformes (8.6%), Gymnotiformes (6.9%), Siluriformes (5.3%) and Synbranchiformes (0.7%). Environmental variables were analyzed through a Principal Components Analysis (PCA) jointly with an Environmental Assessment Protocol to verify the relation of the IBI with the environmental characteristics. Fish abundance were ordered by Non-metric Multidimensional Scaling (NMDS) and tested for the relationships with the IBI. The IBI showed significant correlations only with PCA-1 (Pearson, r = -0,62; p <0,001), with the results of the environmental assessment protocol (Pearson, r = -0,63; p <0,001), and with the fish species composition (NMDS-1, Pearson, r = 0,48; p = 0,007). The use of the IBI resulted in a wide variation of the scores for both undisturbed and disturbed streams, with low values for streams supposedly undisturbed, and high values for some streams with clear signals of environmental disturbances. Despite these weaknesses, IBI values were significantly different between the undisturbed and disturbed streams (U = 145; p = 0,012). The problems pointed out in the present study indicate that the IBI should be employed with caution for Central Amazon streams. The natural variability in environmental characteristics and the high species richness in Amazonian streams difficult a regional adaptation of IBI, and more information is necessary for choosing and refining adequate metrics.
Palavras-chave: Riqueza de espécies
Heterogeneidade de habitats
Igarapés de terra-firme
Alterações antrópicas
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: GALUCH, André Vieira. Adaptação de um Índice de Integridade Biótica para igarapés da Amazônia Central, com base em atributos ecológicos da comunidade de peixes. 2007. 53 f. Dissertação (Mestrado em Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1446
Data de defesa: 23-Mai-2007
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Andre_Galuch.pdf1,53 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.