Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2079
Tipo do documento: Tese
Título: Revisão taxonômica e análise filogenética de Psychodopygus Mangabeira, 1941 (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae)
Autor: Alves, Veracilda Ribeiro 
Primeiro orientador: Fonseca, Claudio Ruy Vasconcelos da
Primeiro coorientador: Shimabukuro, Paloma Helena F.
Resumo: Psychodopygus Mangabeira, 1941 pertence à Phlebotominae (Diptera, Psychodidae) e é representado por 35 espécies essencialmente neotropicais, ocorrendo desde o México até o sul do Brasil e com maior número de espécies ocorrendo principalmente na Amazônia. A correta identificação das espécies em alguns casos é prejudicada pela similaridade existente entre as fêmeas de diversas espécies. Com o objetivo de revisar as espécies de Psychodopygus e apresentar uma hipótese para as relações internas do gênero, foi realizada uma análise filogenética com base em caracteres morfológicos de adultos de 33 espécies. Um total de 54 caracteres da cabeça, tórax e terminálias de machos e fêmeas foram utilizados. A filogenia foi estimada por meio da análise de parcimônia, sendo todos os caracteres tratados com pesos iguais e polarizados a posteriori com base no enraizamento com grupo externo. Como resultado foi encontrado uma árvore mais parcimoniosa (L = 112, IC = 78, IR = 95), que resultou em quatro espécies não formando um grupo monofilético e quatro clados, os quais foram nominados com os nomes das séries de espécies propostas por autores anteriores. A monofilia das espécies do gênero é sustentada por sete sinapomorfias. Psychodopygus ficou constituído de (Ps. matosi (Ps. arthuri (Ps. lloydi (Ps. bispinosus ((clado davisi, clado panamensis)(clado guyanensis (Ps. lainsoni (clado squamiventris))))))). Ps. matosi, Ps. arthuri, Ps. lloydi e Ps.bispinosus ficaram como espécies mais basais do gênero e quatro clados: davisi (Ps. amazonensis (Ps. claustrei, Ps. davisi)), panamensis (Ps. panamensis ((Ps. llanosmartinsi, Ps. recurvus) Ps. ayrozai, Ps. joliveti (Ps. carrerai, Ps. thula) (Ps. hirsutus, Ps. nicaraguensis) Ps. nocticolus, Ps. paraensis, Ps. yucumensis))), guyanensis (Ps. francoisleponti, Ps. corossoniensis, Ps. geniculatus) e squamiventris (Ps. leonidasdeanei (Ps. killicki (Ps. complexus, Ps. wellcomei) ((Ps. bernalei, Ps. fairtigi) Ps. chagasi (Ps. squamiventris maripaensis, Ps. squam. squamiventris)))). O clado davisi é grupo-irmão do clado panamensis, e o clado guyanensis grupo-irmão de Psychodopygus lainsoni + clado squamiventris. O ramo constituído por Ps. lainsoni + clado squamiventris compartilha oito sinapomorfias, enquanto que as espécies de squamiventris formam um clado bem suportado por sete sinapomorfias. Duas sinonímias foram propostas para as espécies Ps. douradoi e Ps. fairtigi, Ps. parimaensis e Ps. davisi, além de dois nomina dubia, Ps. guyanensis e Ps. fairchildi. Também foi fornecida uma chave de identificação para as espécies e mapas de registros geográficos.
Abstract: Psychodopygus Mangabeira, 1941 belongs to the Phlebotominae (Diptera, Psychodidae) and is comprised of 35 species, which are mainly Neotropical, occurring from Mexico to the south of Brazil with larger number of species occurring mainly in the Amazon region. The similarity between the females of various species hampers the correct identification between them, although some studies of allocation of individuals of a particular sex to a given species are already available. In order to revise the species of Psychodopygus and present a hypothesis for the internal relationships of the genus, a phylogenetic analysis based on morphological characters of adults of 33 species was performed. A total of 54 morphological characters of head, thorax and both male and female terminalia were used. The phylogeny was estimated under parsimony criteria and all characters were analyzed using equal weights and polarized a posteriori based on rooting with outgroups. The analysis yielded a most-parsimonious tree (L = 112 steps, CI = 78, RI = 95), which resulted in four species forming a non-monophiletic group and four clades which were named with the names of the series of species proposed by previous authors. The monophyly of the genus is supported by seven synapomorphies. Psychodopygus was comprised of (Ps. matosi (Ps. arthuri (Ps. lloydi (Ps. bispinosus ((davisi clade, panamensis clade) (guyanensis clade (Ps. lainsoni (squamiventris clade))))))). Ps. matosi, Ps. arthuri, Ps. lloydi e Ps.bispinosus as more basal species of the genus and four clades: davisi (Ps. amazonensis (Ps. claustrei, Ps. davisi)), panamensis (Ps. panamensis ((Ps. carrerai, Ps. fairchildi, Ps. thula) (Ps. llanosmartinsi, Ps. recurvus) Ps. paraensis, Ps. joliveti, Ps. yucumensis, Ps. nocticolus, Ps. ayrozai (Ps. hirsutus, Ps. nicaraguensis))), guyanensis (Ps. francoisleponti, Ps. corossoniensis, Ps. geniculatus) and squamiventris (Ps. leonidasdeanei (Ps. killicki (Ps. complexus, Ps. wellcomei) ((Ps. squamiventris maripaensis, Ps. squam. squamiventris) Ps. chagasi (Ps. bernalei, Ps. fairtigi))))). The clade davisi is sister-group of the clade panamensis, and the clade guyanensis appears as the sister group of Ps. lainsoni + clade squamiventris. The branch comprised of Ps. lainsoni + clade squamiventris share eight sinapomorphies, while squamiventris species form a clade well supported by seven sinapomorphies. Two synonymies were proposed: Ps. douradoi and Ps. fairtigi, Ps. parimaensis and Ps. davisi and two nomina dubia, Ps. guyanensis and Ps. fairchildi. Key to species identification and maps of geographic records were provided.
Palavras-chave: Phlebotominae
Filogenia de insetos
Taxonomia de insetos
Área(s) do CNPq: ZOOLOGIA::ZOOLOGIA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências Biológicas (Entomologia)
Citação: ALVES, Veracilda Ribeiro. Revisão taxonômica e análise filogenética de Psychodopygus Mangabeira, 1941 (Diptera, Psychodidae, Phlebotominae). Manaus: [s.n.], 2013. xviii, 220 f.. Tese (Ciências Biológicas (Entomologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/2079
Data de defesa: 13-Fev-2013
Aparece nas coleções:Doutorado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese_Veracilda Ribeiro Alves.pdf13,05 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons