Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2107
Tipo do documento: Tese
Título: Marcadores microssatélites: ferramentas para manejo e conservação da variabilidade genética em populações de tambaqui (Colossoma macropomum, Cuvier 1818)
Autor: Santana, Givanildo Ximenes 
Primeiro orientador: Val, Vera Maria Fonseca de Almeida e
Primeiro coorientador: Campos, Tatiana de
Resumo: A pesca e a piscicultura são direta ou indiretamente importantes para o sustento de milhões de pessoas em todo o mundo. Entretanto, muitas espécies estão sendo sobreexploradas e tendo seus estoques reduzidos sem que haja planos de manejo e conservação que possam minimizar os impactos deixados pela ação antrópica sobre as mesmas. O gerenciamento de recursos genéticos pesqueiros, sejam da natureza, sejam de cativeiro, depende de rigorosos monitoramentos nas populações, considerando a dinâmica de seus aspectos ecológicos e a relevância de suas variabilidades genéticas. A conservação e manejo desses recursos vêm crescendo substancialmente sobre as espécies sobreexploradas ou em risco de extinção. Atualmente inúmeros marcadores moleculares são utlizados para estudos de variabilidade genética em peixes, bem como para conhecer a estrutura das populações e suas relações intra e interpopulacionais. No domínio da pesca e da aquicultura, os microssatélites são úteis para a caracterização da variabilidade genética e estruturação das populações. O Colossoma macropomum é um peixe de clima tropical, sendo o maior Characiforme da região Amazônica e vem sendo uma das espécies mais importantes comercialmente no Brasil, tanto para a pesca como para a aquicultura. Este estudo tem como objetivo verificar a variabilidade genética em quatro diferentes populações do peixe neotropical Colossoma macropomum, a partir de populações de cativeiro e da natureza. Para tanto, foram selecionados seis locos descritos na literatura e desenvolvidos sete novos locos, a partir de uma biblioteca genômica enriquecida em microssatélites. Análises intrapopulacionais e interpopulacionais foram realizadas para verificar a diversidade genética das populações. Dois modelos de análise bayesiana de agrupamento foram testados para observar a estruturação entre elas. Os resultados demonstraram que as populações estão fortemente estruturadas. A variabilidade genética nas populações de piscicultura é baixa e a população da natureza está com deficiência de heterozigotos. Os dois modelos de agrupamentos genético podem ser relacionados à estruturação entre as populações, corroborando os resultados de diferenciação e distância genética.
Abstract: Fishing and aquaculture are directly or indirectly important to the life of million people around the world. However, many species are being overexploited and reduced in number, without management and conservation plans to minimize the impacts caused by human activity. The management of fisheries genetic resources, from nature or captivity, depends on strict monitoring of populations, considering their dynamics, ecological relevance and genetic variability. The conservation and management of these resources have grown substantially over the years for species that are overfished or endangered. Currently, many molecular markers are utilized for studies of genetic variability in fish as well as to know the structure of populations and their relationships within and among them; these studies are applied for both fisheries and aquaculture areas. Colossoma macropomum is a neotropical fish, it is the largest Characiformes in the Amazon region and has been one of the most important species commercially in Brazil, both for fisheries and for aquaculture. This study aims to determine the genetic variability of four different populations of the neotropical fish Colossoma macropomum from captive populations and nature. An enriched library of microsatellite was developed for studies of populations of tambaqui. Seven new loci and six loci previously described in literature were used in this study. Intrapopulation and interpopulation analysis were performed to verify genetic diversity of populations. Two models of Bayesian cluster analysis were tested to observe the structure between them. The results showed that populations are highly structured. The genetic variability in populations of fish farming is low and the wild population has a deficit of heterozygotes. The two clustering models can be related to genetic structuring among populations, corroborating the results of differentiation and genetic distance. In conclusion, the genetic conservation of the populations of C. macropomum require continuous monitoring for recovery of genetic variability.
Palavras-chave: Tambaqui
Marcadores genéticos
Variabilidade genética
Área(s) do CNPq: GENETICA::GENETICA ANIMAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)
Citação: SANTANA, Givanildo Ximenes. Marcadores microssatélites: ferramentas para manejo e conservação da variabilidade genética em populações de tambaqui (Colossoma macropomum, Cuvier 1818). Manaus: [s.n.], 2011. xii, 139 f.. Tese ( Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/2107
Data de defesa: 5-Abr-2011
Aparece nas coleções:Doutorado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Givanildo Ximenes Santana.pdf1,19 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons