Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/694
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise genética da dinâmica social do tangará-de-cabeça-branca (Dixiphia pipra) em paisagens fragmentadas da Amazônia Central
Autor: Fortuna, Jaqueline Rizzi 
Primeiro orientador: Anciaes, Marina
Primeiro coorientador: Farias, Izeni Pires
Primeiro membro da banca: Scarpassa, Vera Margarete
Segundo membro da banca: Frische, Cintia Cornelius
Terceiro membro da banca: Santos, Joselita Maria Mendes dos
Resumo: Os Pipridae são pequenos pássaros frugívoros distribuídos em florestas da região Neotropical. Uma característica marcante dos piprídeos são os machos com plumagens exuberantes que realizam danças no sistema de acasalamento em leques. Poucos marcadores moleculares foram desenvolvidos para estudos populacionais desta família. Como o desenvolvimento de novos marcadores microssatélites específicos tem custos altos e é laborioso, testamos a amplificação cruzada de 21 loci desenvolvidos para os piprídeos Chiroxiphia caudata, C. lanceolata e Manacus manacus em Dixiphia pipra. O sucesso de amplificação cruzada foi de 62%, e para os loci que amplificaram a heterozigosidade observada variou de 0.25000 a 0.80000 e a esperada de 0.22273 a 0.94192. No total oito marcadores apresentaram características desejadas como marcadores informativos para Dixiphia pipra, com 2 a 14 alelos por locus. Alguns loci foram testados para amplificação em outras espécies de Pipridae e aparentemente também são úteis para estudos populacionais. Selecionamos seis marcadorespara estudo populacional de Dixiphia pipra que responderiam as perguntas de fluxo gênico, grau de parentesco e tamanho populacional efetivo em uma paisagem fragmentada no PDBFF, a ~80-km ao Norte de Manaus. A análise Bayesiana revelou que as dez localidades amostradas compreendem uma única população. O valor de parentesco (r) de indivíduos de paisagens contínuas e fragmentadas é similar com um leve desvio para os fragmentos florestais de 1 Ha, onde aparentemente é área de nidificação. Machos de leques de paisagem contínua e fragmentada apresentam os mesmos níveis de relacionamento. O tamanho populacional efetivo da paisagem como um todo foi de 102 indivíduos. Concluímos que a fragmentação florestal recente causou mudanças sutis nos índices mensurados.
Abstract: Pipridae are small frugivorous birds distributed in Neotropical forests. One striking feature of manakins is that males have lush plumes for performing dances in a lek mating system. Few molecular markers were developed for population studies of this family. As the development of new microsatellite markers has high costs and is laborious, we tested the cross-species amplification of 21 loci developed for the manakins Chiroxiphia caudata, C. lanceolata and Manacus manacus in Dixiphia pipra. The success of cross-species amplification was 62%, and for loci that amplified the observed heterozygosity ranged from 0.25000 to 0.80000 and the expected from 0.22273 to 0.94192. In total eight markers were informative markers as desired traits for Dixiphia pipra, with 2-14 alleles per locus. Some loci were tested for amplification in other Pipridae species and apparently are also useful for population studies. We selected six markers to study population Dixiphia pipra to respond to the questions of gene flow, degree of kinship and effective population size in a fragmented landscape in PDBFF, ~ 80-km north of Manaus. The Bayesian analysis revealed that the ten sampling sites comprise a single population. The value of relatedness (r) of individuals in continuous and fragmented landscapes is similar with a slight deviation to the forest fragments of a Ha, where apparently it is the nesting area. Males of the ranges of continuous and fragmented landscapes have the same levels of relationship. The effective population size of the landscape as a whole was 121 individuals. We conclude that the recent forest fragmentantion caused subtle changes in the indices measured.
Palavras-chave: Dixiphia pipra
Microssatélites
Amplificação heteróloga
Fragmentação florestal
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA::GENETICA ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva
Citação: FORTUNA, Jaqueline Rizzi. Análise genética da dinâmica social do tangará-de-cabeça-branca (Dixiphia pipra) em paisagens fragmentadas da Amazônia Central. 2011. 72 f. Dissertação (Mestrado em Genética, Conservação e Biologia Evolutiva) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/694
Data de defesa: 27-Jul-2011
Aparece nas coleções:Mestrado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Jaqueline_Fortuna.pdf630,51 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.