Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/802
Tipo do documento: Dissertação
Título: A importância de condições hidrológicas na distribuição e conservação de plantas herbáceas de sub-bosque em florestas amazônicas: uma contribuição em escala regional
Autor: Moulatlet, Gabriel Massaine 
Primeiro orientador: Costa, Flávia Regina Capellotto
Primeiro coorientador: Rennó, Camilo Daleles
Primeiro membro da banca: Nelson, Bruce Walker
Segundo membro da banca: Ishida, Françoise Yoko
Terceiro membro da banca: Nagy, Laszlo Karoly
Resumo: Embora seja conhecido que condições hidrológicas são importantes determinantes da composição de espécies em florestas tropicais, as relações entre hidrologia e vegetação são frequentemente acessadas de maneira indireta através de outros preditores ambientais, como a topografia. Nós investigamos a relação entre ervas de sub-bosque e condições hídricas locais e regionais em 88 parcelas de 250 x 2m ao longo de uma área de aproximadamente 600 km de extensão em florestas de terra-firme na Amazônia Central. O Escalonamento Multidimensional Não-Métrico (NMDS) foi utilizado para ordenar as parcelas por suas dissimilaridades florísticas e regressões múltiplas foram usadas para identificar quais os melhores preditores da composição de espécies. Condições hídricas locais, representadas pela distância vertical à água, seja abaixo ou acima do solo foram melhores preditores da composição de espécies que as condições climáticas regionais. O somatório de bases trocáveis foi um preditor menos importante do que as condições hídricas locais. A maior parte do efeito da distância vertical à drenagem foi devido à inclusão de parcelas sazonalmente alagadas. Quando apenas parcelas que não alagam foram analisadas, a distância vertical à drenagem teve efeito fraco (dados quantitativos) ou não teve efeito detectável (dados qualitativos) na composição de espécie. Diferentes grupos de plantas herbáceas respondem diferentemente ao gradiente hidrológico. Zingiberales foi o grupo que apresentou o padrão de associação mais forte com as condições hídricas. Como a condição hídrica local foi o melhor preditor das condições que afetam a ocupação das espécies, nossos resultados tem grande aplicabilidade. Particularmente, o preditor pode ser usado para testar através a eficiência das unidades de conservação atuais como refúgios para as ervas frente às mudanças climáticas.
Abstract: Although it is know that water conditions are important determinants of species composition in tropical forests, the relationship between hydrology and vegetation is often assessed indirectly through other environmental predictors, such as topography. We investigated the relationship between understory herbs and local and regional hydrological conditions in eighty-eight 250 x 2 m plots over a linear extent of approximately 600 km long in terra-firme forests in the Central Amazon. Nonmetric Multidimensional Scaling was used to order the plots by their floristic dissimilarities and multiple regressions were used to identify the best predictor of species composition. Local hydrological conditions represented by height above the water, either below or above ground, were better predictors of species composition than regional climatic conditions. Soil fertility was consistently low and was a less important predictor than local hydrological conditions. Most of the effect of height above water was due to the inclusion of seasonally flooding sites. When only non-flooding sites were analyzed, the height above water had only a weak effect (quantitative data) or no effect (qualitative data) on species composition. Different taxonomic groups in the herb community respond differently to the hydrological gradient. The Zingiberales showed the strongest association with hydrological conditions. Because local hydrological conditions were the best predictor of species composition in tropical forests, our results have broad applicability. In particular, this predictor can be used to test the efficacy of existing conservation units as refuges for herbs under climate changes.
Palavras-chave: Gradientes ambientais
Zingiberales
Pteridófita
Fertilidade do solo
Distância vertical à drenagem mais próxima
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Capacidade de suporte, Ecologia animal, Ecologia vegetal, Ecossistemas, Interação inseto-planta, Lim
Programa: Biologia (Ecologia)
Citação: MOULATLET, Gabriel Massaine. A importância de condições hidrológicas na distribuição e conservação de plantas herbáceas de sub-bosque em florestas amazônicas: uma contribuição em escala regional. 2012. 55 f. Dissertação (Mestrado em Capacidade de suporte, Ecologia animal, Ecologia vegetal, Ecossistemas, Interação inseto-planta, Lim) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/802
Data de defesa: 14-Set-2012
Aparece nas coleções:Mestrado - ECO

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Gabriel_Moulatlet.pdf2,21 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.