Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/925
Tipo do documento: Tese
Título: Efeito das leis conservacionistas sobre a biota, os recursos hídricos e a população humana da área proposta para a APA de Alter do Chão, Santarém, PA
Autor: Surgik, Ana Carolina Santos 
Primeiro orientador: Magnusson, William Ernest
Primeiro membro da banca: Benatti, José Heder
Segundo membro da banca: Jacinto, Andrea Borghi Moreira
Terceiro membro da banca: Higuchi, Maria Inês Gasparetto
Quarto membro da banca: Albernaz, Ana Luisa Kerti Mangabeira
Quinto membro da banca: Fearnside, Philip Martin
Resumo: Este trabalho teve por objetivos avaliar o conhecimento legal e a percepção ambiental da população de Alter do Chão, Santarém, PA, suas relações com variáveis sócio-econômicas e o efeito do conhecimento sobre a utilização dos recursos naturais. Foram entrevistadas 172 famílias em 11 comunidades e 3 bairros da Vila de Alter do Chão. As variáveis sócio-econômicas analisadas foram renda familiar mensal, menor distância do centro urbano, comunidade, idade, gênero, escolaridade e tempo de moradia. Para avaliar o efeito do conhecimento legal sobre o uso da mata ciliar, a posição dos riachos (chamados regionalmente de igarapés), imagens de satélite foram digitalizadas e os graus de desmatamento foram classificados. Para identificar o efeito do desmatamento da mata ciliar e da sazonalidade sobre a qualidade hídrica, foram coletados dados físicoquímicos (pH, condutividade), e amostras para identificação de sedimentos e bactérias em 12 pontos de igarapés, 3 pontos do Lago Verde e 2 pontos na foz das 2 micro-bacias da área de estudos. O grau de conhecimento legal da população estudada era baixo. O efeito das variáveis sócio-econômicas sobre o conhecimento foi fraco e indicou que o desconhecimento legal ocorria em todos os grupos estudados. A população local tinha forte influência religiosa nos processos de decisão sobre o uso dos recursos. A qualidade hídrica (pH, condutividade, quantidade de sedimentos e quantidade de enterobactérias) foi afetada pelo grau de desmatamento da beira dos igarapés. O conhecimento legal teve efeito fraco sobre a decisão de desmatar. A probabilidade de exercer a atividade de caça foi afetada pela distância do centro urbano e renda familiar, mas não foi afetada pelo conhecimento da proibição legal.
Abstract: The purpose of this work was to assess the legal knowledge and the environmental perception of the people of Alter do Chão, Santarém, PA, their relationship with socioeconomic variables, and the effect of that knowledge on the use of natural resources. Interviews were held with 172 families in 11 communities and 3 suburbs in the Vila de Alter do Chão. The socioeconomic variables analyzed were family monthly income, shortest distance to an urban center, age, gender, schooling, and residence time. To evaluate the consequence of legal knowledge on the use of riparian zones, the position of the streams (regionally known as igarapés ) was digitalized and a deforestation classification was made for satellite images. To evaluate the effect of riparian deforestation and seasonality on water quality, we collected physical-chemical data (pH, conductivity), and samples to analyze sediments and bacterial contamination in 12 sites along the streams, 3 sites on the Lago Verde and 2 sites on the lower reaches of the 2 micro-basins in the study area. The degree of legal knowledge of the population was low. The effect of the socioeconomic variables on that knowledge was weak, and indicated that all socioeconomic groups had poor understanding of the law. Decision on the use of natural resources were strongly influenced by religious beliefs. Water quality (pH, conductivity, amount of sediments and bacterial contamination) was affected by the degree of deforestation in the riparian zones of streams. Legal knowledge had a weak influence on decisions relating to deforestation. The propensity to engage in hunting protected wildlife was affected by the distance to an urban center and the family monthly income, but it was not affected by knowledge of legal prohibitions.
Palavras-chave: conhecimento
legislação
recursos hídricos
Percepção geográfica
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Capacidade de suporte, Ecologia animal, Ecologia vegetal, Ecossistemas, Interação inseto-planta, Lim
Programa: Biologia (Ecologia)
Citação: SURGIK, Ana Carolina Santos. Efeito das leis conservacionistas sobre a biota, os recursos hídricos e a população humana da área proposta para a APA de Alter do Chão, Santarém, PA. 2006. 150 f. Tese (Doutorado em Capacidade de suporte, Ecologia animal, Ecologia vegetal, Ecossistemas, Interação inseto-planta, Lim) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/925
Data de defesa: 12-Jun-2006
Aparece nas coleções:Doutorado - ECO

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Ana_Carolina_Surgik.pdf1,88 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.