Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1422
Tipo do documento: Dissertação
Título: DISTRIBUIÇÃO E ESTIMATIVAS POPULACIONAIS DO BOTO Inia geoffrensis (DE BLAINVILLE, 1817) (INIIDAE) NO MÉDIO RIO ARAGUAIA (BRASIL CENTRAL)
Autor: Araújo, Claryana Costa 
Primeiro orientador: Silva, Vera Maria Ferreira da
Primeiro membro da banca: Venticinque, Eduardo Martins
Segundo membro da banca: Carvalho, Celso Morato de
Terceiro membro da banca: Santos, Marcos César de Oliveira
Resumo: Este estudo é pioneiro em avaliar a abundância e densidade do boto Inia geoffrensis no rio Araguaia, aplicando a metodologia de amostragem de distâncias e utilizando transectos de banda e linear. O estudo foi realizado em 530 km do médio rio Araguaia (Brasil Central). A coleta de dados ocorreu em maio e setembro de 2009 (vazante e seca, respectivamente). A maioria das detecções feitas foi de animais solitários (88.3% - maio e 74.3% - setembro). A média geral do tamanho de grupo foi de 1.23 (DP = 0.49; n = 195). A densidade de botos resultante das análises do DISTANCE foi de 0.84 botos/km2 e a abundância de 83; para os transectos de banda a densidade média encontrada foi de 0.75 botos/km2. Os dados obtidos nos permitiram inferir a abundância de botos para o médio rio Araguaia, o que representa cerca de 1/4 de todo o rio. No entanto, sabe-se que os botos não se distribuem uniformemente ao longo do rio e a extrapolação das estimativas obtidas neste estudo para toda a extensão do rio Araguaia deve ser feita com cautela. Neste trabalho foi caracterizada a distribuição dos botos ao longo do médio rio Araguaia (Brasil Central) e verificada a existência de habitats preferenciais da espécie. A coleta de dados ocorreu em maio (vazante) e setembro (seca) de 2009 sendo coletados dados sobre ocorrência do grupo e tipo de habitat. Os habitats foram quantificados e georreferenciados e o rio foi dividido em nove segmentos de acordo com suas características geomorfologicas (e posteriormente agrupados em SEG I e SEG II, baixo e alto aporte de sedimentos, respectivamente). Ao longo de toda a área de estudo foram identificados seis tipos de habitats marginais (Barranco com vegetação, Barranco, Praia, Boca, Remanso e Ilha). Houve um total de 195 avistagens (239 botos). Os botos não ocorreram de maneira uniforme havendo maiores densidades em certos tipos de habitats tanto em maio quanto em setembro. O habitat com maior densidade de boto foi Boca ; seguido de Remanso . Os tamanhos de grupo também variaram de acordo com o habitat. A distribuição destes animais não foi uniforme ao longo do trecho em estudo, havendo maiores densidades no SEG II do que no SEG I. A distribuição e o uso do habitat destes golfinhos estão fortemente relacionados à distribuição de suas presas e às modificações sazonais dos habitat ao longo do rio.
Abstract: This is the first study about the abundance and density of the boto Inia geoffrensis using Distance sampling in the Araguaia River (Central Brazil). The study was carried out along a 530 km section of the Middle Araguaia River. The surveys were conducted in May and September 2009 (during falling and dry water seasons), where strip and line transects were employed. Almost all observations were of single animals (88.3% - May and 74.3% - September). The mean group size was 1.23 (SD = 0.49; n = 195). The boto density from DISTANCE was 0.84 botos/km2 and the abundance was 83; from the strip transect the mean density was 0.75 botos/km2. The results allowed us to infer that the abundance of botos of the section of the middle Araguaia River is about 1/4 of the entire river length. However, it is known that dolphins are not uniformly distributed along the river and the extrapolation of estimates obtained in this study for the entire length of the Araguaia River should be made with caution. This study aimed to characterize the distribution of boto along of the middle section of the Araguaia River (Central Brazil) and verify the existence of preferred habitats of this species. Data collection occurred in May (falling water season) and September (dry water season) 2009. We collected data about the occurrence of the group and habitat type. The habitats were quantified and georeferenced and the river was divided into nine segments according to their geomorphological features (and later grouped into SEG I and SEG II, low and high amount of sediment, respectively). Throughout the area studied, a total of six types of marginal habitats were identified (Bank with Vegetation, Bank, Beach, Mouth, Remanso and Island). The river was divided into segments according to the geomorphology of the course. There were a total of 195 sightings (239 botos). The botos did not occur uniformly in all habitats, with higher densities in certain types of habitat. The habitat with the highest density of botos was the Mouth of rivers followed by the habitat Remanso . The group sizes also varied according to the habitat. The distribution of these animals was not uniform along the area covered in the study, showing highest density in SEG II than in SEG I. The distribution and habitat of these dolphins are closely related to the distribution of their prey and the seasonal change of the river and consequent marginal habitat types along the river.
Palavras-chave: Boto (Mamífero aquático) Araguaia, Rio
Inia geoffrensis
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: ARAÚJO, Claryana Costa. DISTRIBUIÇÃO E ESTIMATIVAS POPULACIONAIS DO BOTO Inia geoffrensis (DE BLAINVILLE, 1817) (INIIDAE) NO MÉDIO RIO ARAGUAIA (BRASIL CENTRAL). 2010. 81 f. Dissertação (Mestrado em Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1422
Data de defesa: 5-Mar-2010
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Claryana_Araujo_Pt_1.pdf835,06 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.