Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1438
Tipo do documento: Dissertação
Título: Revisão taxonômica das espécies de Hyphessobrycon Durbin do grupo rosacéo pingo-de-sangue (Ostariophysi; characiformes; Characidae): comentários sobre a biologia reprodutiva do grupo
Autor: Teixeira, Túlio Franco 
Primeiro orientador: Daniel, Lúcia Helena Rapp Py
Primeiro coorientador: Lima, Flávio César Thadeo de
Primeiro membro da banca: Santos, Geraldo Mendes dos
Segundo membro da banca: Menezes, Naercio Aquino
Terceiro membro da banca: Bührnheim, Cristina Motta
Resumo: O presente trabalho teve como objetivo principal a revisão taxonômica do grupo rosacéos pingo-de-sangue, Hyphessobrycon erythrostigma (Fowler, 1943), H. socolofi Weitzman, 1977 e H. pyrrhonotus Burgess, 1993, com a redescrição das três espécies, através de um número maior de exemplares, descrição do dimorfismo sexual, informações sobre a distribuição geográfica e variação morfológica, e sobre a biologia reprodutiva das três espécies. Foram examinados no total 151 exemplares de H. erythrostigma, 144 exemplares de H. socolofi e 32 exemplares de H. pyrrhonotus. Com base na análise morfométrica, merística, osteológica e de padrão de colorido de um número relativamente grande de exemplares das diferentes localidades das três espécies, foi possível reconhecer somente três espécies de rosacéos pingo-de-sangue. O grupo rosacéos pingo-de-sangue é diagnosticado pela presença de uma nítida mancha vermelha na região umeral nos exemplares vivos, presença de 6-14 dentes no maxilar, 7-9 escamas acima da linha lateral, 5-7 escamas abaixo da linha lateral e 26-33 raios ramificados na nadadeira anal. Os caracteres que indiscutivelmente diagnosticam as três espécies pertencentes ao grupo, neste trabalho, são: presença e distribuição de ganchos nas nadadeiras dos machos maduros, presença ou ausência de escamas com cirros, padrão de colorido do corpo e das nadadeiras, extensão da faixa branca da nadadeira anal e forma do metapterigóide. Dentre os caracteres que melhor diagnosticam as três espécies neste trabalho, a presença ou ausência de escamas com cirros e o formato do metapterigóide são novos para as espécies. Entre os caracteres utilizados na diagnose das espécies, o número de escamas abaixo da linha lateral, o número de vértebras, a forma do metapterigóide e, a presença ou ausência de escamas com cirros não foram relacionadas ao dimorfismo sexual. H. erythrostigma foi encontrado no lago Moronacocha na bacia do rio Amazonas, Peru, nos igarapés do Baré e Ubim no lago Amanã, bacia do rio Japurá e na Ressaca da Gata na cabeceira do lago Ayapuá, na bacia do rio Purus. H. socolofi foi encontrado na ilha de Tamaquaré e no rio Marauiá no alto rio Negro, no rio Paduari, médio rio Negro, no igarapé Ano Bom no Parque Nacional do Viruá, alto rio Branco e no igarapé Água Boa, baixo rio Branco, e no rio Nhamundá. Foi confirmada a presença de H. pyrrhonotus no rio Ereré. Análises das gônadas de alguns exemplares das três espécies indicam que o grupo realiza desova parcelada como estratégia reprodutiva. Como principais conclusões do presente trabalho, podemos afirmar que as espécies do grupo bleeding-heart tetra‟ são válidas e apresentam uma distribuição geográfica bem mais ampla do que a originalmente suposta.
Abstract: The main objective of the present work was to revise taxonomically the species included in the bleeding-heart tetras group, Hyphessobrycon erythrostigma (Fowler, 1943), H. socolofi Weitzman, 1977 and H. pyrrhonotus Burgess, 1993, and redescribe the three species based on a larger number of specimens, description of the sexual dimorphism, informations about the geographic distribution and morphologic variation, and about the reproductive biology of the three species. A total of 151 specimens of H. erythrostigma, 144 specimens of H. socolofi and 32 specimens of H. pyrrhonotus were examined. Based on morphometry, meristics, osteology and color pattern analysis of relatively large number of specimens, it was possible to recognize only three species of bleeding-heart tetras . The bleeding-heart tetras is diagnosed by the presence of a conspicuously bright red spot in the humeral region in the living specimens, presence of 6-14 maxillary teeth, 7-9 scales row above lateral line, 5-7 scales row below lateral line and 26-33 branched anal-fin rays. The characters that definitely diagnosed the three species inside the group, in this work, are: presence and distribution of bony hooks on fins of mature males, presence or absence of scales with cirra‟, body and fins color patterns, the extension of the white stripe on the anal fin, and the metapterygoid shape. Among the characters that better diagnose the three species in this study, the presence or absence of scales with cirros and the metapterygoid shape are new for these species. Among the diagnostic characters, the number of scales below lateral line, the number of vertebrae, the metapterygoid shape and the presence or absence of scales with cirros were related to sexual dimorphism. H. erythrostigma was found in Moronacocha lake in Amazonas river basin, Peru, in Baré and Ubim streams in Amanã lake, Japurá river basin and in Ressaca da Gata in lake Ayapuá, in Purus river basin. H. socolofi was found in island Tamaquaré and in Marauiá river in upper Negro river, in Padauari river, middle Negro river, in Ano Bom stream in Viruá Naciona Park, upper Branco river and in Agua Boa stream, down Branco river, and in Nhamundá river. The presence of H. pyrrhonotus in Ereré river was confirmed. Analysis of the gonads of some specimens of the three species indicated that the group performs fractional spawning as reproductive strategy. The main conclusions of the present work are that the three species of the bleeding-heart tetras‟ are valid and their area of occurrence is much larger than initially suggested.
Palavras-chave: Bacia Amazônica
Rosacéos pingo-de-sangue
Taxonomia
Ganchos das nadadeiras
Variação geográfica
Dimorfismo sexual
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::TAXONOMIA DOS GRUPOS RECENTES
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: TEIXEIRA, Túlio Franco. Revisão taxonômica das espécies de Hyphessobrycon Durbin do grupo rosacéo pingo-de-sangue (Ostariophysi; characiformes; Characidae): comentários sobre a biologia reprodutiva do grupo. 2010. 163 f. Dissertação (Mestrado em Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1438
Data de defesa: 26-Jul-2010
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Tulio_Teixeira.pdf8,01 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.