Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1458
Tipo do documento: Dissertação
Título: Influência do ciclo hidrológico, maturação gonadal e categoria trófica no teor energético de peixes em uma área de várzea da Amazônia Central
Autor: Santos, Rodrigo Neves dos 
Primeiro orientador: Ferreira, Efrem Jorge Gondim
Primeiro coorientador: Amadio, Sidineia Aparecida
Primeiro membro da banca: Benedito, Evanilde
Segundo membro da banca: Pereira Filho, Manoel
Terceiro membro da banca: Bittencourt, Maria Mercedes
Quarto membro da banca: Chaves, Paulo de Tarso da Cunha
Resumo: O presente estudo considerou a influência do ciclo hidrológico, maturação gonadal e categoria trófica no acúmulo e utilização da energia em cinco espécies de peixes, numa área de várzea denominada Catalão. As amostras foram obtidas mensalmente durante o período de julho/2004 a junho/2005 utilizando malhadeiras de vários tamanhos, durante 24 horas. O índice de gordura cavitária, índice gonadossomático, fator de condição, e teor energético dos músculos, gônadas e conteúdos estomacais foram analisados. Dentre os grupos tróficos analisados, os piscívoros Acestrorhynchus falcirostris e Pygocentrus nattereri apresentaram os menores teores de energia muscular. Estas espécies apresentaram altos teores energéticos em seus alimentos, permitindo uma freqüência menor de tomada de alimento, o que justifica o grande número de exemplares com estômagos vazios. Por outro lado, para compensar o baixo teor energético de sua dieta, as espécies invertívoras Hemiodus sp, Hoplosternum littorale e a herbívora Rhytiodus microlepis, necessitam alimentar-se constantemente. Acestrorhynchus falcirostris aloca energia das reservas de gordura cavitária para as gônadas; Pygocentrus nattereri utiliza energia dos músculos para este fim e Hoplosternum littorale, além da gordura cavitária, utiliza também energia acumulada nos músculos para realização dos processos reprodutivos. As espécies residentes Acestrorhynchus falcirostris e Hoplosternum littorale não diferem das migradoras quanto ao padrão de utilização das reservas de energia acumuladas em forma de gordura cavitária, apresentando sazonalidade em função da flutuação no nível dos rios. Ficou evidente que o pulso de inundação exerce forte influência no acúmulo e utilização das reservas energéticas dos organismos aquáticos da várzea.
Abstract: The influence of hydrological cycle, gonad development and trophic level on the energy allocation was investigated considering five fish species from an Amazonian floodplain area, Catalão. Sampling was carried out monthly using gillnets of different mesh sizes for 24 hours. Body fat index, gonadossomatic index, condition and energy density from muscles, gonads and stomach content of five species were analyzed. Amongst the various trophic groups considered, the piscivours Acestrorhynchus falcirostris and Pygocentrus nattereri showed the lowest level of caloric content in the muscle, high numbers of empty stomachs throughout the sampling period and very high levels of energy density in their food, which allows them to take food less frequently. On the other hand the invertivores species Hemiodus sp and Hoplosternum littorale and the herbivore Rhytiodus microlepis, in order to compensate their low energy diet, need to take food very frequently. In order to guarantee gonad development, Acestrorhynchus falcirostris use body fat whereas Pygocentrus nattereri use energy from muscle and Hoplosternum littorale uses energy from both places. The sedentary species Acestrorhynchus falcirostris and Hoplosternum littorale showed the same energy allocation pattern as the migratory ones, which is strongly related to the flood pulse. It is quite clear that the flood pulse regulates the gain and utilization of the energy reserves in aquatic organisms from the Amazonian floodplain.
Palavras-chave: Reprodução
Energia
Peixes
Sazonalidade
Várzea
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: SANTOS, Rodrigo Neves dos. Influência do ciclo hidrológico, maturação gonadal e categoria trófica no teor energético de peixes em uma área de várzea da Amazônia Central. 2006. 76 f. Dissertação (Mestrado em Ecofisiologia, Ictiologia, Mamíferos aquáticos, Recursos pesqueiros, Aquacultura, Sistemática e Biol) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1458
Data de defesa: 17-Fev-2006
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao_Rodrigo_Santos.pdf1,58 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.