Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1546
Tipo do documento: Dissertação
Título: Germinação de sementes de Oenocarpus Mart. : Efeito do dessecamento em sementes de Oenocarpus bacaba Mart. e da temperatura em sementes de Oenocarpus bataua Mart.
Autor: Bastos , Lydiane Lucia de Sousa 
Primeiro orientador: Ferraz, Isolde de Dorothea Kossmann
Resumo: Oenocarpus bacaba Mart. e Oenocarpus bataua Mart. são palmeiras nativas da região amazônica utilizadas para produção de sucos, a partir da polpa dos frutos e de óleo extraído das sementes. Ambas as espécies ocorrem em ambientes florestais de terra-firme, sendo O. bacaba preferencialmente no platô e O. bataua nos baixios. A propagação dessas espécies se dá por sementes que não toleram desidratação. O objetivo deste estudo foi avaliar o processo germinativo das sementes sob o efeito de dois fatores ambientais: água, em sementes de O. bacaba e temperatura, em sementes de O. bataua. No estudo de desidratação das sementes de O. bacaba, foi avaliado o desenvolvimento da parte aérea sob condições de viveiro, comparando sementes com dez diferentes teores de água (40 - 5%).As sementes recém processados e depois de 4 horas de secagem sem aquecimento com 41 % e 39 % de teor de água, respectivamente, apresentaram as maiores taxas de germinação, podendo ser considerado o último como teor de água de segurança. O teor de água crítico foi entre 36,7 e 34,2%, dependendo do critério de germinação, no qual houve a redução de 50% da gemrinabilidde.O teor de água letal foi ≤26% quando a nenhuma semente mais germinou. O avanço do desenvolvimento aumentou a sensibilidade ao dessecamento, sendo a formação de 1ª bainha menos sensível ao dessecamento que a expansão dos eofilos.O efeito da temperatura foi testado em sementes de O. bataua sob oito temperaturas constantes (entre 5 e 40 °C) e duas temperaturas alternadas (em ciclos de 12 horas com 20/30 e 15/35 °C). Na avaliação do efeito da temperatura sobre o processo germinativo de O. bataua, a formação do botão germinativo foi observada em temperaturas entre 10 a 40 ºC, porém, critérios de germinação de estágios mais desenvolvidos as plântulas foram mais sensíveis ao estresse térmico e a faixa de temperatura de germinação ficou cada vez mais estreita.Para todos os critérios observados, até a formação de 2ª bainha, temperaturas constantes de 25 e 30 °C resultaram numa percentagem mais alta de germinação em menor tempo, podendo estas condições térmicas ser recomendadas para a avaliação da qualidade das sementes.
Abstract: Oenocarpus bacaba Mart. and Oenocarpus bataua Mart. are native palm trees from Amazon region, and it is used for fruit pulp and seed oil production.Both species occur in terra firme forest, O. bacaba preferably on the plateau and O. bataua in the lowland forest. These species seeds that do not tolerate desiccation do the propagation of these species. The objective of this study was to evaluate seed germination under the influence of two environmental factors: the water in O. bacaba seeds and the temperature in O. bataua seeds. In the desiccation study of O. bacaba seeds, shoot development was scored under nursery conditions, comparing ten different seed moisture contents between 40 - 5%. The freshly processed seeds, dried by using forced air, in four hours to 41% and o 39% seed moisture content, respectively, had the highest germination rates, thus the latter can be considered the safety limit of moisture content. The critical limit of water content was between 36,7 to 34,2 %, depending on the germination criteria, in which germinability was reduced by 50%. The lethal water content was ≤26% when germinability was lost. With the advancement of development sensitivity to desiccation increased, and the formation of the 1st sheath was less sensitive to desiccation than the expansion of the eophylls. The temperature effect was tested in O. bataua seeds with eight constant temperatures (between 5 and 40 ° C) and two alternating temperatures (12-hour cycles at 20/30 and 15/35 °C). In evaluating the effect of temperature on the germination of O. bataua, the formation of the germinal button was observed between 10 and 40 °C, however, with advancement in development of the seedlings, it was observed that it became more sensitive to thermal stress, and the temperature range for germination became increasingly narrow. For all germination criteria observed until the formation of the 2nd sheath, constant temperatures of 25 to 30 °C resulted in highest germination percentage in the shortest time, these thermal conditions can be recommended to assess the quality of O. bataua seeds.
Palavras-chave: Germinação
Propágulo
Sementes
Área(s) do CNPq: BOTANICA::BOTANICA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências de Florestas Tropicais (CFT)
Citação: BASTOS , Lydiane Lucia de Sousa. Germinação de sementes de Oenocarpus Mart. : Efeito do dessecamento em sementes de Oenocarpus bacaba Mart. e da temperatura em sementes de Oenocarpus bataua Mart.. Manaus: [s.n.], 2014. xi, 54p. Dissertação( Ciências de Florestas Tropicais (CFT)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1546
Data de defesa: 10-Out-2014
Aparece nas coleções:Mestrado - CFT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_ Lydiane Lucia de Souza Bastos.pdf1,04 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.