Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1578
Tipo do documento: Dissertação
Título: Variação espacial e temporal na estrutura e composição de assembléias de peixes bentônicos em um trecho do Alto rio Madeira, Rondônia
Autor: Ribeiro, Ariana Cella 
Primeiro orientador: Deus, Cláudia Pereira de
Primeiro coorientador: Zuanon, Jansen Alfredo Sampaio
Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar a estrutura e composição das assembléias de peixes bentônicos que habitam o canal de um trecho de 450 km do rio Madeira, ao longo de um ciclo hidrológico anual (novembro de 2008 a outubro de 2009). Foi avaliada a existência de um gradiente longitudinal na distribuição da riqueza de espécies, bem como os possíveis efeitos de variáveis limnológicas e ambientais sobre a composição das assembléias de peixes. Três áreas amostragem foram estabelecidas em função da presença das cachoeiras de Jirau e Teotônio: a montante de Jirau, entre Jirau e Teotônio, e a jusante de Teotônio. Foram realizados 135 arrastos bentônicos com redes do tipo “trawl net”, dos quais 33 não capturaram exemplares e 24 capturaram apenas um peixe cada. No total, foram capturados 577 exemplares de 73 espécies, das quais 27 constituíram registros únicos. Houve um predomínio marcante de Siluriformes (55 espécies, 82% da riqueza total) e de Gymnotiformes (16 espécies, 17%), como esperado para comunidades de peixes bentônicos da Amazônia. As capturas foram sensivelmente maiores na estação seca (62 espécies, 469 exemplares) do que no período de águas altas (31 espécies, 108 exemplares). Não foi observado um aumento da riqueza de espécies no sentido montante-jusante ao longo do trecho; no entanto, ocorreram diferenças significativas na composição de espécies entre as três áreas testadas, com substituição de espécies entre as áreas estudadas. Não houve relação significativa entre a riqueza de espécies e as diversas variáveis ambientais testadas (oxigênio dissolvido, condutividade elétrica, profundidade, turbidez, largura do rio, velocidade da corrente, período hidrológico e posição das cachoeiras Jirau e Teotônio), sendo explicada unicamente pela abundância de peixes nas amostras. A composição das espécies nos locais de amostragem diferiu significativamente em relação à posição da cachoeira Teotônio, ao período hidrológico e à condutividade elétrica da água. Isso indica a existência de descontinuidades na composição das assembléias de peixes bentônicos ao longo do rio Madeira, onde a cachoeira do Teotônio constitui um marco divisório na paisagem aquática. As assembléias de peixes bentônicos do trecho encachoeirado rio Madeira foram marcadas por uma alta riqueza de espécies, associada a uma abundância de peixes muito baixa. As condições ambientais particulares desse trecho do rio (alta velocidade da correnteza, elevada turbulência, alta turbidez) provavelmente limitam a manutenção de grandes populações de peixes bentônicos, e devem restringir a ocorrência de boa parte das espécies típicas do canal dos rios da planície amazônica.
Abstract: This study aimed to evaluate the structure and composition of benthic fishes assemblages in a 450 km stretch of the Madeira River, Rondônia State, Brazil. The study was undertaken through an annual hydrologic cycle (from November 2008 to October 2009). The existence of a longitudinal gradient in species richness was evaluated, as well as putative effects of limnological characteristics on the assemblages composition. Three sampling areas were established having the rapids of Jirau and Teotônio as natural barriers: 1) upstream Jirau; 2) between Jirau and Teotônio and 3) downstream Teotônio. Bottom trawl nets were used to perform 135 samplings, of which 33 brought no fish and 24 had only one fish each. A total of 577 specimens belonging to 73 species were captured, 27 of which representing single registers. Siluriformes (55 species, 82% of total richness) predominated in the samplings, followed by Gymnotiformes (16 species, 17%), as would be expected for benthic fish communities in Amazonia. The species richness and the number of organisms caught were higher in dry season (62 species, 469 specimens) in comparison with the high water season (31 species, 108 specimens). No increase in species richness was observed from upstream to downstream sampling sites. Notwithstanding, significant differences in assemblages composition occurred between the three areas by means of species substitution and differences in species abundances. There was no significant relationship between species richness and the environmental variables tested (dissolved oxygen, electric conductivity, depth, turbidity, river width, current speed, hydrologic period -dry and rainy- and the position of Jirau and Teotônio rapids), with only the fish abundance showing significant effects. The species composition in the sampling stretch differed significantly in relation to the position of Teotônio rapids, to the hydrological period, and to water conductivity. This indicates the existence of discontinuities in benthic fish assemblages’ composition along the Madeira River, where the Teotônio rapid constitutes and important division to the aquatic landscape. The benthic fish assemblages in the rapids stretch of Madeira River showed high species richness associated with very low fish abundance. The particular environmental conditions in this stretch of the river (high water flow, turbidity and turbulence) possibly limits the maintenance of large populations of benthic fishes and restricts the occurrence of some species that typically occur in river channels of the Amazonian lowlands.
Palavras-chave: Estrutura de comunidades
Gradiente longitudinal
Peixes bentônicos
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOLOGIA GERAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: RIBEIRO, Ariana Cella. Variação espacial e temporal na estrutura e composição de assembléias de peixes bentônicos em um trecho do Alto rio Madeira, Rondônia. Manaus: [s.n.], 2010. xiii, 81p. Dissertação( Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1578
Data de defesa: 15-Jul-2010
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_ Ariana Cella Ribeiro.pdf1,19 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.