Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1601
Tipo do documento: Dissertação
Título: Os desafios de implantação do manejo florestal nas comunidades da RDS do Rio Negro-AM
Autor: Silva, Priscilla Adriano 
Primeiro orientador: Vieira, Gil
Primeiro coorientador: Santos, Henrique Pereira dos
Resumo: O manejo florestal sustentável em pequena escala-MFSPE é desenvolvido nas comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro-RDS, Amazonas, Brasil, desde 2009. Porém, até o presente, ainda não havia um estudo que pudesse avaliar esse projeto. Este trabalho propõe avaliar o MFSPE dentro da RDS, resgatando o histórico da atividade madeireira, estudando a cadeia produtiva da madeira manejada, levantando dados socioeconômicos e identificando quais os gargalos que ainda impedem a consolidação da atividade na Reserva. Como metodologia de trabalho, foi utilizada a ferramenta Linha do Tempo para obter informações junto aos moradores, questionários abertos e acompanhamento das atividades in loco para obter todas as informações necessárias. Como resultado pôde-se constatar que historicamente, a madeira sempre foi a principal fonte de renda das comunidades. A cadeia produtiva da madeira manejada precisa ser mais eficiente, incluindo o beneficiamento da madeira para agregação de valor e o aproveitamento dos resíduos proveniente da exploração florestal para venda à indústria que utiliza lenha como fonte de energia. O projeto de manejo florestal vem trazendo melhoria de vida aos moradores, sendo que por safra, cada família ganha cerca de R$4.320,00. Problemas na condução das atividades florestais ainda existem, como baixo preço da madeira no mercado local, falta de transporte terrestre para retirar a madeira de dentro da área de manejo, sazonalidade do rio, demora no processo de licenciamento ambiental, entre outros, mas que aos poucos, vem sendo superados. Apesar das dificuldades, a atividade possui um futuro promissor. Com a isenção de impostos, desburocratização do licenciamento, incentivos governamentais e não governamentais, o manejo florestal sustentável tende a consolidar-se como atividade promissora na RDS do Rio Negro.
Abstract: Sustainable forest management in small-scale MFSPE is developed in communities of Sustainable Development Reserve-RDS Rio Negro, Amazonas, Brazil, since 2009. Yet, to date, there was still no study that would evaluate this project. This paper proposes to evaluate the MFSPE within the RDS, recovering the history logging, studying the production chain managed timber, raising socioeconomic data and identifying bottlenecks which still hinder the consolidation activity in the Reserve. As methodology, timeline tool was used to obtain information from the residents, open questionnaires and monitoring of activities in place to get all the necessary information. As a result it was noted that historically, the wood has always been the main source of income for the communities. The production chain of wood needs to be managed more efficiently, including wood processing for value addition and utilization of residues from forestry for sale to the industry that uses wood as an energy source. The forest management project has brought improvement of life for residents, and per harvest, each family earns about R $ 4,320.00. Problems in conducting forestry activities still exist, such as low timber on the local market, lack of ground transportation to remove the wood from within the management area, seasonality of the river, takes the environmental licensing process, among others, but the few, has been overcome. Despite the difficulties, the activity has a promising future. With the tax exemption, the licensing bureaucracy, governmental and non-governmental incentives, sustainable forest management tends to consolidate itself as promising activity in the RDS Rio Negro.
Palavras-chave: Manejo florestal
Unidade de conservação
Comunidades tradicionais
Área(s) do CNPq: CIENCIA DO SOLO::MANEJO E CONSERVACAO DO SOLO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia (GAP)
Citação: SILVA, Priscilla Adriano. Os desafios de implantação do manejo florestal nas comunidades da RDS do Rio Negro-AM. Manaus: [s.n.], 2014. 71 f.. Dissertação (Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia (GAP)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1601
Data de defesa: 29-Mai-2014
Aparece nas coleções:Mestrado - GAP

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_priscilla_mpgap (Salvo Automaticamente).pdf1,47 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.