Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1707
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSilva, Jéssika Luane-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9523839098963855por
dc.contributor.advisor1Fearnside, Philip Martin-
dc.contributor.advisor-co1Graça, Paulo Maurício Lima de Alencastro-
dc.date.accessioned2015-06-03T15:20:11Z-
dc.date.issued2014-06-26-
dc.identifier.citationSILVA, Jéssika Luane. Danos florestais e estimativa da redução no estoque de carbono em áreas de manejo florestal sob concessão pública: floresta nacional do Jamari – RO, Brasil. Manaus: [s.n.], 2014. xiii, 97p. Dissertação( Ciências de Florestas Tropicais (CFT)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.por
dc.identifier.urihttp://localhost:8080/tede/handle/tede/1707-
dc.description.resumoA Amazônia Legal, especificamente a região do Estado de Rondônia, vem sofrendo desde a década de 1970 com alterações ambientais em decorrência aos processos antrópicos de mudança de uso e cobertura do solo. Diante disso, em 2006 foi instaurada a política de concessão de exploração madeireira em áreas florestais públicas (Lei n° 11.284 de 02/03/2006), visando regulamentar a exploração manejada em terras públicas e reforçar a fiscalização dessas áreas contra atividades ilegais e de grande impacto à floresta. A proposta do presente projeto foi avaliar os danos florestais e a redução do estoque de biomassa acima do solo (AGB) e carbono (C) resultantes do manejo florestal aplicado nas áreas sob concessão pública da Floresta Nacional do Jamari, em Rondônia. Foram realizadas avaliações em termos de instalação das infraestruturas de exploração madeireira (estradas, pátios, ramais de arraste e clareiras), danos florestais e redução do estoque de AGB e C nas áreas da Unidade de Produção Anual (UPA) 1 das Unidades de Manejo Florestal (UMFs) I e III. As infraestruturas foram mapeadas por meio de imagens de satélite de alta resolução. A coleta de dados de danos, abertura de dossel, diâmetro à altura do peito (DAP) e identificação botânica das espécies foi realizada em 72 parcelas (36 em cada UMF, 9 em cada tipo de infraestrutura). A estimativa da área ocupada pelas infraestruturas resultou em 83,50 ha na UMF I (14,8% da área total da UPA 1) e 286,47 ha na UMF III (17,8% da área total da UPA 1). A abertura de dossel média encontrada foi de 27,66% para a UMF I e de 28,9% para a UMF III, sendo maior nos pátios de estocagem, seguido pelas clareiras. A percentagem das árvores que não apresentaram danos florestais foi de 85,5%, e nas restantes observou-se maior frequência dos danos na copa (6,7%) em comparação aos danos no tronco (2,5%). O número de árvores mortas representou 5,3% do total de árvores avaliadas. A estimativa da perda em estoque de biomassa e carbono decorrentes à exploração madeireira na UMF III foi de 23,5%. Houve uma redução de 384,4 Mg.ha-1 para 294,1 Mg.ha-1 de AGB e de 184,5 Mg.ha-1 de carbono para 141,2 Mg.ha-1 posteriormente ao manejo. O grau de danos às árvores e perda em termos de AGB e C estão relacionados diretamente às práticas de manejo adotadas, podendo ser minimizados por estarem associados ao planejamento e execução de operações de forma adequada.por
dc.description.abstractThe Legal Amazon, specifically the state of Rondonia, has undergone environmental impacts due to anthropogenic processes of land-use and land-cover change since the 1970s. In 2006 a policy of granting logging concessions in public forests (Law No. 11,284 of March 2, 2006) was established to regulate the logging on public lands and to strengthen the supervision of these areas against illegal activities that have a great impact on the forest. The purpose of this project was to estimate forest damage and the reduction in the stock of above-ground biomass (AGB) and carbon (C) resulting from forest management applied in areas under public concession in the Jamari National Forest, Rondônia. Evaluations were performed in terms of allocation of logging infrastructure (roads, logging decks, skid trails and gaps), forest damage and reduction of the stock of AGB and C in Annual Production Unit (UPA) 1 in forest management units (UMFs) I and III. The infrastructure has been mapped by high-resolution satellite images. Data collection on damage, canopy openness, diameter at breast height (DBH) and botanical species identification was performed in 72 plots (36 in each UMF; 9 in each type of infrastructure). The estimated area occupied by infrastructure totaled 83.50 ha in the UMF I (14.8% of the total area of the UPA 1) and 286.47 ha in UMF III (17.8% of the total area of the UPA 1). The average canopy opening was found to be 27.7% for UMF I and 28.9% for the UMF III. Opening was greater in the logging decks, followed by gaps. The percentage of forest trees that showed no damage was 85.5% and the remaining trees had a higher frequency of damage to the canopy (6.7%) compared to the bole damage (2.5%). Dead individuals represented 5.3% of the trees we evaluated. Logging resulted in AGB decreasing from 384.4 Mg.ha-1 to 294.1 Mg.ha-1 and in carbon decreasing from 184,5 Mg.ha-1 to 141,2 Mg.ha-1. The degree of damage to trees and the losses of AGB and C are directly related to the logging practices adopted, which can be minimized by being associated with appropriate planning and execution of operations.eng
dc.description.provenanceSubmitted by Gisele Nagai (giselenagai@gmail.com) on 2015-06-03T15:20:11Z No. of bitstreams: 2 Dissertação_ Jéssika Luane Silva.pdf: 8457794 bytes, checksum: 65f3355646145b129d43b24678888f01 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5)eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2015-06-03T15:20:11Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertação_ Jéssika Luane Silva.pdf: 8457794 bytes, checksum: 65f3355646145b129d43b24678888f01 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Previous issue date: 2014-06-26eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPESpor
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherInstituto Nacional de Pesquisas da Amazôniapor
dc.publisher.departmentCoordenação de Pós Graduação (COPG)por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsINPApor
dc.publisher.programCiências de Florestas Tropicais (CFT)por
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/-
dc.subjectBiomassapor
dc.subjectConcessão Públicapor
dc.subjectDanos florestaispor
dc.subjectEstoque de carbonopor
dc.subjectManejo florestalpor
dc.subjectSensoriamento Remotopor
dc.subject.cnpqCIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTALpor
dc.titleDanos florestais e estimativa da redução no estoque de carbono em áreas de manejo florestal sob concessão pública: floresta nacional do Jamari – RO, Brasilpor
dc.title.alternativeLogging damage and estimated reduction in biomass and carbon stock in forest management areas under public concession: Jamari national forest, Rondônia, Brazileng
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Mestrado - CFT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_ Jéssika Luane Silva.pdf8,26 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons