Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1711
Tipo do documento: Dissertação
Título: Caracterização da variabilidade genética, sistema de cruzamento e parâmetros de germinação e emergência de euterpe precatoria martius em populações do Baixo Rio Solimões
Título(s) alternativo(s): Characterization of genetic variability, mating system and parameters of germination and emergence of Euterpe precatoria Martius in populations of the lower Solimões River
Autor: Lima, Poliana Perrut de 
Primeiro orientador: Clement, Charles Roland
Primeiro coorientador: Rodrigues, Doriane Picanço
Resumo: O açaí-da-mata (Euterpe precatoria Martius) é a palmeira mais abundante e amplamente distribuída na Amazônia. É uma espécie de relevância econômica, social e ambiental para a região pelo uso de seus frutos e palmito na alimentação das populações tradicionais, e ultimamente como fonte de renda, com uma crescente demanda para o ―vinho do Açaí‖ além das fronteiras amazônicas, consolidando perspectivas promissoras nos mercados nacional e internacional, atraindo o interesse de produtores e empresários pelo seu cultivo. O melhoramento genético pode contribuir no aumento da produtividade de frutos, utilizando plantas matrizes geneticamente selecionadas diretamente nas populações naturais, visando manter variabilidade genética para minimizar a endogamia e evitar a erosão genética. Esses procedimentos serão fundamentais para a espécie à medida que sistemas de cultivo sejam adotados pelos agricultores, principalmente em se tratando de enriquecimento de populações naturais. Apesar da importância do açaí para o Estado do Amazonas, pouco se conhece sobre a espécie. Esta espécie não possui perfilhos e sua propagação ocorre exclusivamente por sementes. Devido às restritas informações e a importância da espécie para a região, os objetivos deste estudo foram: i) caracterizar a diversidade e estrutura genética espacial; ii) determinar as taxas de cruzamento; iii) avaliar a percentagem de germinação e emergência, tempo médio de emergência (TME), e índice de velocidade de emergência (IVE), bem como a relação do IVE com a heterozigosidade observada (Ho). Para alcançar nossos objetivos, dez marcadores microssatélites (transferidos de E. edulis) foram usados para caracterizar o sistema de cruzamento, os níveis de diversidade e a estrutura genética espacial de populações dos municípios de Codajás, Manacapuru e Manaquiri, no baixo rio Solimões no Estado do Amazonas, Brasil. Coletou-se material vegetal de 63 palmeiras adultas e frutos de 30 matrizes; de cada planta matriz foram analisados 20 plântulas. Também das populações de Manacapuru e Manaquiri foi coletado frutos de 30 progênies para determinar os índices de germinação. Para o estudo da germinação o delineamento experimental foi inteiramente casualisado, com quatro repetições de 25 sementes e 30 tratamentos (progênies). No sistema de cruzamento, a estimativa da taxa de cruzamento foi alta (tm = 0,96), embora significativamente menor do que um, indicando que algumas autofecundações ocorreram. A taxa de cruzamento entre indivíduos aparentados foi substancial (tm – ts = 0,133), indicando que as progênies apresentam endogamia biparental, além da endogamia originada por autofecundações. A diversidade genética foi alta para palmeiras adultas e plântulas de todas as populações (Codajás: Â = 41 e 52, Ĥo = 0,48 e 0,47 e Ĥe = 0,49 e 0,51; Manacapuru: Â = 34 e 40, Ĥo = 0,49 e 0,42 e Ĥe = 0,49 e 0,45; Manaquiri: Â = 39 e 41, Ĥo = 0,48 e 0,50 e Ĥe = 0,51 e 0,48, respectivamente). A diferenciação genética entre as populações foi moderada, com Fst (0,143) e Gst (0,146). A análise de parentesco entre os indivíduos por classes de distância revelou valores para o coeficiente de coancestria positivos nas classes de distância até 53 km, sugerindo que o fluxo gênico é restrito entre as três populações, provavelmente devido ao isolamento por distancia. Para os parâmetros de germinação encontramos grande variabilidade para todos os caracteres avaliados, o que era esperado para uma espécie não domesticada, com percentagem de germinação variando entre 8 e 98, com média de 69%, percentagem de emergência de 7 a 97, com média de 61%, TME entre 29 e 100 dias, média de 69 dias, e IVE de 0,11 a 1,80, média 0,93. A heterozigosidade observada (Ho) apresentou uma correlação positiva com o IVE das plântulas na população de Manaquiri, mas não na de Manacapuru. Este estudo adiciona informações genéticas primordiais para coletas de sementes visando programas de melhoramento genético e conservação, bem como para a produção de mudas para cultivos.
Abstract: The assaí-da-mata (Euterpe precatoria Martius) is the most abundant and widely distributed Amazonian palm. It is economically, socially and environmentally relevant in the region because of its fruits and palm hearts used by traditional populations, and as a source of income, with growing demand for "Assai wine" beyond Amazonia that is attracting the interest of producers and entrepreneurs for its cultivation. Genetic improvement can contribute to increased fruit yield, using genetically selected seed plants directly in natural populations to maintain genetic variability, minimize inbreeding and prevent genetic erosion. Selection will be a key to the species’ cropping systems adopted by farmers, especially in the case of natural population enrichment. Despite the importance of assai for the State of Amazonas, little is known about the species. This species has no off-shoots and propagation occurs exclusively by seed. Due to restricted information and the importance of the species for the region, the objectives of this study were to: i) characterize the genetic diversity and spatial genetic structure; ii) determine outcrossing rates; iii) assess the percentage of germination and emergence, mean emergence time (MET), and emergence velocity index (EVI) and the relationship of the EVI with the observed heterozygosity (Ho). To achieve our goals ten microsatellite markers (transferred from E. edulis) were used to characterize the mating system, levels of genetic diversity and spatial genetic structure of populations of the municipalities of Codajás, Manacapuru and Manaquiri, along the lower Solimões River, State Amazonas, Brazil. Plant material was collected from 63 mature palms and 30 seed plants, from each of which 20 seedlings were analyzed. In the populations of Manacapuru and Manaquiri fruits were also collected from 30 progenies to determine germination rates. For germination, the experimental design was completely randomized, with four replications of 25 seeds and 30 treatments (progenies). For the mating system, the estimated outcrossing rates were high (tm = 0.96), although significantly less than one, indicating that some selfing occurred. The outcrossing rates among related individuals were substantial (tm - ts = 0.133), indicating that families have biparental inbreeding, as well as endogamy originated by selfing. Genetic diversity was high for adult palms and seedling progenies of all populations (Codajás: Â = 41 and 52, Ho = 0.48 and 0.47 and He = 0.49 and 0.51; Manacapuru: Â = 34 and 40, Ho = 0.49 and 0.42 and He = 0.49 and 0.45; Manaquiri: Â = 39 and 41, Ho = 0.48 and 0.50 and He = 0.51 and 0.48, respectively). The genetic differentiation between populations was moderate, estimated with Fst (0.143) and Gst (0.146). The analysis of coancestry between individuals by distance classes showed positive values for distance classes up to 53 km, suggesting that gene flow is restricted among the three populations due to isolation by distance. Great variability was found for all germination parameters, which was expected for a non-domesticated species, with germination percentages ranging between 8 and 98, with a mean of 69 %, percentage of emergency between 7 and 97, with a mean of 61 %, TEM between 29 and 100 days, with a mean of 69 days, and EVI from 0.11 to 1.80, with a mean of 0.93. The observed heterozygosity (Ho) showed a positive correlation with the seedling EVI in the Manaquiri population, but not the Manacapuru population. This study provides important genetic information for seed collection for breeding and conservation programs, as well as for the production of seedlings for planting.
Palavras-chave: Euterpe precatoria
Estrutura genética
Taxa de cruzamento
Tempo de emergência
Velocidade de emergência
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Agricultura no Trópico Úmido (ATU)
Citação: LIMA, Poliana Perrut de. Caracterização da variabilidade genética, sistema de cruzamento e parâmetros de germinação e emergência de euterpe precatoria martius em populações do Baixo Rio Solimões. Manaus: [s.n.], 2014. xiii, 55p. Dissertação( Agricultura no Trópico Úmido (ATU)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1711
Data de defesa: 28-Jul-2014
Aparece nas coleções:Mestrado - ATU

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_ Poliana Perrut de Lima.pdf1,44 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons