Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1762
Tipo do documento: Tese
Título: Análise biogeográfica do gênero gymnotus (gymnotidae, gymnotiformes), por meio de marcadores cariotípicos e moleculares
Autor: Silva, Maelin da 
Primeiro orientador: Feldberg, Eliana
Primeiro coorientador: Artoni, Roberto Ferreria
Segundo coorientador: Nagamachi, Cleusa Yoshida
Resumo: A família de peixes elétricos Gymnotidae é composta por dois gêneros: Electrophorus conhecido popularmente como poraquê e Gymnotus comumente chamados de sarapós, tuviras. Singulares pela capacidade de produzir potencial elétrico, que utilizam para eletrolocalização e interação ambiental, esse grupo evoluiu no interior do continente Sulamericano. Enquanto, E. eletricus está restrito à região amazônica, Gymnotus apresenta grande dispersão. Atualmente, conta com 39 espécies descritas, as quais foram dividas em 5 Clados: G1, Clado pantherinus, G2, Clado cylindricus e Clado carapo. Em relação à citogenética, esse grupo mostra grande plasticidade cromossômica, em especial no clado carapo com número diploide variando de 34 a 54 cromossomos. No presente trabalho foram analisados os cariótipos de nove espécies da família Gymnotidae da Amazônia Central, por meio de marcadores citogenéticos e moleculares. São descritos os cariótipos de E. electricus, Gymnotus ucamara, G. mamiraua, G. carapo “Catalão”, G. cf. coropinae, G. cf. stenoleucus, G. cf. pedanopterus, G.ymnotus sp. “Negro” e G. carapo “Maranhão”. A presença de cromossomos sexuais é marcante nesse gênero e três novos sistemas do tipo turnover foram descritos, com pouca quantidade de heterocromatina, origem recente e independente em: G. carapo “Catalão” (XX/XY); Gymnotus sp. “Negro” e G. coropinae (X1X1X2X2/X1X2Y). A pintura cromossômica em G. carapo “Catalão” revelou três pares envolvidos na formação do par sexual. A localização dos DNA ribossomais mostrou-se conservada em relação ao DNAr 18S nas espécies de Gymnotus e para E. electricus foi confirmada a presença de apenas um par portador do DNAr maior. Para o DNAr 5S a tendência na família é a de sítios únicos nos clados basais, porém com substancial aumento nas espécies que compõem o Clado carapo. Caso especial foi identificado em G. mamiraua que possui 13 sítios com essa sequência, os quais foram co-localizados com um elemento de transposição TC1/mariner. Essa característica de numerosos sítios é compartilhada por espécies da bacia do Paraná-Paraguai. A proximidade entre G. mamiraua (2n=54) da bacia amazônica e G. inaequilabiatus (2n=54) foi confirmada pela técnica do DNA barcode, sugerindo que a expansão dos sítios ribossomais 5S ocorreu em um ancestral, ainda na região amazônica. Gymnotus se mostra um grupo modelo para evolução e diferenciação cromossômica, com o DNAr 5S como uma excelente ferramenta citotaxonômica e as espécies como indicadoras biogeográficas.
Abstract: The family Gymnotidae of electric fishes is composed by two genera: Electrophorus, popularly known as “poraquê” and Gymnotus, commonly known as “sarapós” or “tuviras”. Unique by their capacity of producing electric potential, which they use to electrolocation and environmental interaction, this group has evolved within South American continent. While E. electricus is restricted to the Amazon region, Gymnotus presents a greater dispersion. Nowadays, it has 39 described species, which were separated in five distinct clades: G1, Pantherinus clade; G2, Cylindricus clade and the Carapo clade. Concerning to cytogenetics, this group presents a great chromosomal plasticity, especially Carapo clade, with diploid numbers varying from 34 to 54 chromosomes. In the present work, we analyzed the karyotypes of nine species of Gymnotidae family from Central Amazon, by cytogenetic and molecular markers. We described the karyotypes of E. electricus, Gymnotus ucamara, G. mamiraua, G. carapo “Catalão”, G. cf. coropinae, G. cf. stenoleucus, G. cf. pedanopterus, G.ymnotus sp. “Negro” and G. carapo “Maranhão. The presence of sex chromosomes is remarkable within this genus and three new systems of turnover type were described, with low amounts of heterochromatin, recent and independent origin in: G. carapo “Catalão” (XX/XY); Gymnotus sp. “Negro” and G. coropinae (X1X1X2X2/X1X2Y). Chromosome painting in G. carapo “Catalão” revealed three pairs involved in the formation of the sexual pair. Ribosomal DNA location is conserved in relation to the 18S rDNA for Gymnotus species and for E. electricus, we confirmed the presence of a single pair bearing the major rDNA. For 5S rDNA, the trend in the family is of unique sites in basal clades, but with substantial increase in the species composing the Carapo clade. A special case was found in G. mamiraua. They presented 13 sites with this sequence, which were co-located with a transposition element TC1/mariner. This feature of numerous sites is shared by species from the Paraná-Paraguay River basin. The proximity between G. mamiraua (2n=54) from Amazon basin and G. inaequilabiatus (2n=54) was confirmed by the DNA barcode technique, suggesting that the expansion of the 5S ribosomal sites occurred in an ancestor, still in Amazon region. Gymnotus presents itself as a model group for evolution and chromosomal differentiation, being the 5S rDNA an excellent cytotaxonomic tool and the species as biogeographic indicators.
Palavras-chave: Gymnotidae
DNAr 5S
Cromossomos sexuais
Peixes elétricos
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)
Citação: SILVA, Maelin da. Análise biogeográfica do gênero Gymnotus (Gymnotidae, Gymnotiformes), por meio de marcadores cariotípicos e moleculares. Manaus: [s.n.], 2015. xii, 122f. Tese( Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1762
Data de defesa: 24-Fev-2015
Aparece nas coleções:Doutorado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese_ Maelin da Silva.pdf5,37 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons