Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1776
Tipo do documento: Dissertação
Título: Variação interanual da composição das assembléias de peixes em quatro micro-bacias do nordeste paraense
Autor: Bastos, Douglas Aviz 
Primeiro orientador: Deus, Claudia Pereira de
Primeiro coorientador: Zuanon, Jansen
Resumo: A região Amazônica apresenta a maior bacia hidrográfica do mundo. Esta é formada por um incontável número de pequenos riachos, conhecidos regionalmente como igarapés. São ambientes diversos, pois percorrem configurações climáticas, topográficas, vegetacionais e biogeográficas distintas, sendo facilmente influenciados por condições locais. Essa combinação de fatores influencia a composição da comunidade de peixes, que varia de acordo com a complexidade de micro-habitats oriunda das características estruturais dos igarapés. Outro fator importante para a composição da ictiofauna, nesses ambientes, é a variação temporal. Atualmente, a maioria dos trabalhados em igarapés que levam em consideração esses aspectos foram realizados na Amazônia Central. Os igarapés da Amazônia Oriental ainda são pouco estudados e sofrem historicamente com pressões antrópicas. O presente trabalho está dividido em dois capítulos. O primeiro teve como objetivo principal avaliar a variação interanual e os fatores ambientais que influenciam as assembleias de peixes em quatro bacias do nordeste paraense. Foi possível observar que a abundância e a diversidade de espécies variaram significativamente entre os igarapés de cada bacia e entre os anos. As variáveis ambientais não tiveram uma distinção clara entre as bacias e entre os anos. No entanto, estas tiveram uma forte relação na composição da ictiofauna. No segundo capítulo é apresentada uma lista de espécies com a fauna de peixes de cinco bacias do nordeste paraense. Neste trabalho foram registradas sete novas ocorrências para a área, além de 23 espécies novas. Um número surpreendente por se tratar da porção amazônica com o mais longo histórico de colonização e com considerável acúmulo de estudos faunísticos. Essas informações são importantes para o conhecimento ictiofaunistico da região, além de servir de base para o gerenciamento e conservação das espécies encontradas em pequenos igarapés, um tipo de ambiente especialmente vulnerável a alterações antrópicas.
Abstract: The Amazon Basin is the largest fluvial system on Earth, being formed by countless small streams regionally known as “igarapés”. These streams can show high variability in local conditions between each other because they occur under different climatic, topographic, phytophysiognomic, and biogeographic configurations. This combination of factors affects the composition of stream fish communities, since it varies with the microhabitat complexity promoted by structural characteristics of small streams. Another important factor affecting stream fish composition is the temporal variability of environmental conditions. Studies taking into account all these aspects were scarcely conducted in the Amazon Basin, being mainly restricted to fish communities of the Central Amazon. The eastern portion of the Amazon Basin was even less investigated, which may represent a critical research gap considering that this region has been historically facing high levels of anthropic pressures. The present study aimed to evaluate the effects of environmental factors and their temporal variation on stream fish communities in four sub-basins of the northeastern Amazon, Pará state. We observed significant differences of species diversity and abundance among sub-basins and years. Environmental characteristics were not clearly distinct among sites or years, however, they had strong relation with fish species composition. Another objective of this study was to present a list of fish species from the northeastern Amazon. We registered seven new occurrences for the region and 23 new species. This result is surprising given that the studied region has the longest history of human colonization in the Amazon, with a significant amount of species inventories. We believe that our study brings important information for the faunal knowledge of the region and for the management and conservation of fish species from small Amazonian streams, an ecosystem particularly vulnerable to human-induced alterations.
Palavras-chave: Variação interanual
Censo visual
Assembleia de peixes
Igarapés
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOLOGIA GERAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: BASTOS, Douglas Aviz. Variação interanual da composição das assembléias de peixes em quatro micro-bacias do nordeste paraense. Manaus: [s.n.], 2013. 106f. Dissertação (Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1776
Data de defesa: 30-Jul-2013
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_ Douglas Aviz Bastos.pdf8,34 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons