Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1793
Tipo do documento: Dissertação
Título: Uso e manejo de roça pelos moradores de três comunidades da reserva extrativista do rio Jutaí - AM
Autor: Bastos, Cibele Lopes 
Primeiro orientador: Py-Daniel, Victor
Resumo: O presente trabalho analisa por meio da descrição etnoecológica, o manejo e uso de roça praticada por moradores residentes em três comunidades da Reserva Extrativista do rio Jutaí. As comunidades envolvidas foram Marauá, Bordalé e Seringueiro, situadas na Reserva Extrativista do Rio Jutaí, município de Jutaí, Amazonas. Os dados analisados foram obtidos por meio de formulários, entrevistas semi-estruturadas e observações diretas em campo, focados na caracterização das técnicas de manejo da roça (tratos culturais, controle de pragas, abertura de roça), formas de distribuição das plantas na roça, tamanho das parcelas, espaçamento entre plantas, colheita, plantio e origem dos cultivares. Os dados analisados demonstram que a agricultura praticada é unicamente familiar. O manejo das roças tem significativas variações sazonais, desde a elaboração até a colheita, concentrando grande parte das atividades no final do inverno, pois a maioria das espécies desenvolve-se e tem melhor adaptabilidade no verão, como por exemplo, a mandioca e a cana. Dessa forma, por meio do repasse de informações sobre as técnicas utilizadas no manejo de roça, as comunidades estudadas perpetuam seu conhecimento tradicional ao longo do tempo.
Abstract: Through ethnoecological description, the present work analyzes swidden use and management as practiced by the residents in three communities of the Rio Jutai Extractavist Reservation (Reserva Extrativista do rio Jutaí). The communities involved were Marauá, Bordalé and Seringueiro, situated on the Reservation, in the Jutai municipality, state of Amazonas. The data analyzed were obtained by using forms, semi-structured interviews, and by direct field observations, focusing on the characterization of swidden management techniques (agricultural practices, pest control, flash and burn to open swiddens), plant distribution and spacing, size of parcels, planting, harvest, and origin of plant varieties. The data analyzed show that farming is practiced solely by family. Beginning with its elaboration until harvest, the swidden management has significant seasonal variations, whose activities for the most part are concentrated at the end of winter, as most of the species grow and adapt themselves best during the summer, as for example cassava and sugar cane. By passing on their swidden management techniques, the communities studied perpetuate their traditional knowledge from generation to generation.
Palavras-chave: Agricultura
Comunidades tradicionais
Manejo Agrícola
Área(s) do CNPq: AGRONOMIA::EXTENSAO RURAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Agricultura no Trópico Úmido (ATU)
Citação: BASTOS, Cibele Lopes. Uso e manejo de roça pelos moradores de três comunidades da reserva extrativista do rio Jutaí - AM. Manaus: [s.n.], 2007. ix, 96 f.. Dissertação (Agricultura no Trópico Úmido (ATU)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1793
Data de defesa: 8-Ago-2007
Aparece nas coleções:Mestrado - ATU

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Disssertação_Cibelle Lopes Bastos.pdf9,76 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons