Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1799
Tipo do documento: Dissertação
Título: Desenvolvimento de Artemisia annua L. cultivada em diferentes classes de solos com e sem adição de solução nutritiva
Autor: Carneiro, Jone Libório Uchôa 
Primeiro orientador: Falcão, Newton Paulo de Souza
Primeiro coorientador: Magahães, Pedro Melillo de
Segundo coorientador: Pohlit, Adrian Martin
Resumo: Este estudo teve por objetivo avaliar o efeito de diferentes tipos de solos com adição de solução nutritiva na produção de biomassa e teor de artemisinina em Artemisia annua L. O experimento foi desenvolvido em casa de vegetação da Coordenação de Pesquisas em Ciências Agronômicas (CPCA) do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5x2, com dez repetições, sendo cinco classes de solo (Argissolo Vermelho-Amarelo Distrófico (PVAd); Espodossolo Ferrihumilúvicos Órtico (ESKo); Gleissolo Háplico Ta Eutrófico (GXve); Latossolo Amarelo Eutrófico (LAe); Latossolo Amarelo Distrófico típico (LAd), tratados com aplicação de solução nutritiva completa. As plantas cultivadas em solo de LAe, com solução nutritiva, obtiveram maior produtividade de biomassa, diâmetro do caule, massa seca da raiz, número de folhas, rendimento de artemisinina em relação aos demais tratamentos. O teor de artemisinina diferiu apenas em plantas cultivadas em PVAd, ao qual não foi observado nenhum padrão de caráter nutricional que pressupõe uma hipótese consistente. A aplicação de solução nutritiva diminuiu o teor de Al tóxico dos solos, e consequentemente a percentagem de saturação do mesmo, aumentando a soma de bases, e a capacidade de troca catiônica (CTC). As plantas cultivadas em PVAd, ESKo e LAd (sem solução) tiveram 100% de mortalidade devido ao pH ácido, o baixo conteúdo nutricional, e alta acidez potencial dos solos. O teor nutricional foliar indicou que as plantas cultivadas em LAe, com solução, apresentaram deficiência de K, confirmada pela diagnose visual. A solução nutritiva utilizada causou indisponibilidade de nutrientes do solo à planta devido a sua composição.
Abstract: This study aimed to evaluate the effect of different soil types with the addition of nutrient solution in the production of biomass and artemisinin content in Artemisia annua L. The experiment was conducted in a greenhouse of the Research Coordination in Agricultural Sciences (SCAC) of the National Institute for Amazonian Research (INPA). The experimental design was completely randomized in a 5x2 factorial arrangement with ten replications, with five classes of soil (Acrisol Dystrophic (PVAd); Spodosol Ferrihumilúvicos Orthic (Esko); Gleysol Haplic Eutrophic Ta (GXve); Typic Eutrophic (LAE); Yellow Latosol (LAd), treated with application of complete nutrient solution. The plants grown in soil in Lae, with nutrient solution, had higher productivity of biomass, stem diameter, root dry mass, leaf number , artemisinin yield compared to other treatments. artemisinin content differed only in plants grown in PVAd, which was not observed any pattern of character which requires a nutritional hypothesis consistent. The application of nutrient solution decreased the Al content of toxic soils, and consequently the percentage of saturation of that, increasing the sum of bases, and cation exchange capacity (CEC). Plants grown in PVAd, Esko and LAd (unresolved) had 100% mortality due to acidic pH, the low nutritional content, and high potential acidity of the soil. The foliar nutrient content indicated that plants grown in Lae, with solution, showed K deficiency, confirmed by visual diagnosis. The nutrient solution used caused the unavailability of soil nutrients to the plant due to its composition.
Palavras-chave: Solos
Teor de artemisinina
Solo – Fertilidade
Área(s) do CNPq: CIENCIA DO SOLO::FERTILIDADE DO SOLO E ADUBACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Agricultura no Trópico Úmido (ATU)
Citação: CARNEIRO, Jone Libório Uchôa. Desenvolvimento de Artemisia annua L. cultivada em diferentes classes de solos com e sem adição de solução nutritiva. Manaus: [s.n.], 2010. 50 f.. Dissertação (Agricultura no Trópico Úmido (ATU)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1799
Data de defesa: 9-Jul-2010
Aparece nas coleções:ATU - Msc

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Jone Libório Uchôa Carneiro.pdf453,54 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons