Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1868
Tipo do documento: Dissertação
Título: Indicadores de qualidade de solo para avaliação da restauração florestal: Estudo de caso uhe Balbina – AM
Autor: Viana, Raiane de Melo 
Primeiro orientador: Ferraz, João Baptista Silva
Primeiro coorientador: Vieira, Gil
Resumo: A restauração florestal é uma necessidade urgente, dada a celeridade que processos de degradação avançam sobre as florestas tropicais. Porém, muitos esforços e recursos são investidos na recuperação dessas áreas sem que hajam metodologias apropriadas para uma avaliação posterior dessas atividades e o monitoramento das áreas em processo de restauração. A certeza da necessidade da avaliação e monitoramento tornou-se consenso entre os envolvidos nessa atividade, uma vez que os custos da restauração são muito elevados para se correr o risco do insucesso. A maioria dos monitoramentos se baseia apenas na análise de dados de vegetação, porém, é importante utilizar outros parâmetros. Devido à influência recíproca entre solo e vegetação, foi proposta a seleção de indicadores de qualidade do solo, que permitam a avaliação e o monitoramento de projetos de restauração florestal, de forma eficiente, prática e de baixo custo. Com isso, o objetivo deste trabalho foi selecionar bons indicadores, principalmente edáficos, para avaliação de projetos de restauração florestal, e ainda avaliar os plantios de restauração florestal instalados em áreas de empréstimo no entorno da Usina Hidrelétrica de Balbina (Presidente Figueiredo – AM). Foram selecionadas quatro áreas de amostragem: uma área degradada (AC), dois reflorestamentos mistos (RF1, RF2) e uma área de floresta nativa (AR). Por não haver réplicas de cada condição, o presente trabalho é um estudo de caso. Em cada uma dessas áreas foram alocadas oito parcelas de 5 m x 2 m, onde foi realizado o levantamento da regeneração natural dos indivíduos arbóreos e arbustivos com HT > 30 cm e DAP < 5 cm, e da macrofauna do solo pelo método “pitfall” e monólito do solo. Nestas mesmas parcelas foram medidas a cobertura de dossel, a taxa de infiltração da água do solo e a resistência do solo à penetração de raízes e foram coletadas amostras de solo para determinação da densidade do solo, umidade, textura, acidez e fertilidade dos solos (Al, Ca, Mg, K, MOS, N, P, Fe e Zn) nas profundidades de 0-5 cm, 5-10 cm e 10-20 cm. Os parâmetros físico-químicos do solo e a cobertura de dossel foram contrapostos a um gradiente categórico de restauração por meio de ANOVA e teste de Tukey a 5%. Para contrapor os gradientes contínuos de regeneração natural e macrofauna, foram feitas regressões simples dos atributos físico-químicos e cobertura de dossel com dados de riqueza desses dois grupos biológicos. Os plantios avaliados evoluíram estruturalmente, mostrando que a restauração das áreas degradadas foi uma decisão acertada, pois a área degradada (AC) não melhorou suas propriedades por ter sido abandonada. O RF2 se encontra em estágio mais avançado que o RF1, estando em condição mais próxima à área AR. O RF1, por estar mais próximo a AC, necessita de maior assistência silvicultural. Os parâmetros que seguiram o gradiente categórico foram densidade do solo, resistência à penetração, taxa de infiltração básica, potássio, matéria orgânica do solo, nitrogênio e cobertura do dossel, e os que responderam aos gradientes de regeneração natural e macrofauna do solo foram densidade do solo, matéria orgânica do solo, cobertura de dossel, teores de potássio e CTC efetiva, sendo que resistência à penetração e pH em água apresentaram uma fraca relação. De acordo com o presente estudo, os melhores parâmetros para avaliar o sucesso de projetos de restauração florestal no entorno da UHE Balbina são: densidade do solo, matéria orgânica do solo e cobertura de dossel. A metodologia adotada se mostrou eficiente para avaliação de projetos de restauração florestal, porém, precisa ser testada em outros locais, idealmente com maior número de réplicas, para ser validada.
Abstract: Forest restoration is an urgent need, given the fastness of degradation processes in tropical rainforests. However, many efforts and resources are invested in the rehabilitation without appropriate methodologies for evaluation of these activities and monitoring of the restored areas. The necessity of monitoring and evaluation has become consensus among those involved in restoration, since it is an onerous activity to take the risk of failure. Most monitoring is based on analysis of vegetation, although, it is important to make use of other parameters. Due to the reciprocal influence between soil and vegetation, this study proposed to select indicators of soil quality, allowing the evaluation and monitoring of forest restoration projects in an efficient, practical and low cost way. Thus, the aim is to select good indicators, mainly edaphic, for assessment of forest restoration projects, and assess forest restoration plantings installed in borrow areas near by the Balbina Hydroelectric Dam (Presidente Figueiredo - AM). Four areas were selected for sampling: a degraded area (AC), two restoration plantings (RF1, RF2) and a forest area (AR). Because there is no replica of each condition the present work is a case study. In each area, eight plots of 5 m x 2 m were allocated, where we performed a survey of natural trees and shrubs regeneration with HT > 30 cm and DBH < 5 cm, and soil macro fauna, by "pitfall" and soil monolith methods. At the same plots, it was measured canopy cover, the soil infiltration rate and soil resistance to root penetration and soil samples were collected for determination of bulk density, moisture, texture, acidity and fertility (Al, Ca, Mg, K, SOM, N, P, Fe and Zn) in the depth: 0-5 cm, 5-10 cm and 10-20 cm. The physical-chemical parameters of soil and canopy cover were opposed to a categorically gradient of restoration by ANOVA and Tukey test at 5%. To oppose the continuous gradients of natural regeneration and macrofauna, were conducted simple regressions of the physical-chemical soil attributes and canopy cover with respect to the richness of these two biological groups. The restoration plantings have evolved structurally, proving that the restoration was a right decision, because the degraded area did not improve their features with the abandon. RF2 is on a more advanced stage than the RF1, presenting conditions closer to the forest. RF1, for be closer to the degraded area (AC), and need further silvicultural assistance. The parameters that follow the categorical gradient were soil density, penetration resistance, infiltration rate, potassium, soil organic matter, nitrogen and canopy cover. Those which responded to soil macro fauna and natural regeneration gradients were soil bulk density, soil organic matter, canopy cover, potassium and effective CEC, while penetration resistance and pH in water evidenced a weak relationship. According to this study, the good indicators to evaluate the success of forest restoration projects near by the Balbina Hydroelectric Dam are: bulk density, soil organic matter and canopy cover. The methodology proved effective for evaluating forest restoration projects; however, it needs to be tested elsewhere, ideally with a larger number of replicas to be validated.
Palavras-chave: Recuperação de áreas degradadas
Solo
Regeneração natural
Área(s) do CNPq: ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências de Florestas Tropicais (CFT)
Citação: VIANA, Raiane de Melo. Indicadores de qualidade de solo para avaliação da restauração florestal: Estudo de caso uhe Balbina – AM. Manaus: [s.n.], 2012. x, 65 f.. Dissertação (Ciências de Florestas Tropicais (CFT)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1868
Data de defesa: 6-Mar-2012
Aparece nas coleções:Mestrado - CFT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Raiane de Melo Viana.pdf2,38 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons