Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/1923
Tipo do documento: Dissertação
Título: Isolamento, caracterização de locos microssatélites e estimativa da variabilidade genética de Brycon amazonicus (Spix & Agassiz, 1829) (Characidae: Bryconinae) em ambiente natural e cativeiro
Autor: Araujo , Gisele Torres Clímaco de
Primeiro orientador: Val, Vera Maria Fonseca de Almeida e
Resumo: A pesca e aquicultura são atividades econômicas de grande importância para a Região Amazônica, tanto para fins de subsistência como para fins comerciais. Dentre as espécies nativas de exploração na aquicultura, o matrinxã (Brycon amazonicus) destaca-se por apresentar bom ganho de peso e boa taxa de crescimento em cativeiro, aceitar as rações comerciais com facilidade e conseguir bons resultados na reprodução induzida. Entretanto, é importante saber como se encontra o perfil genético desse peixe na natureza e em cativeiro; principalmente se considerarmos que a variabilidade genética é um importante parâmetro para garantir a sobrevivência de uma espécie frente à alguma perturbação ambiental. Uma ferramenta capaz de revelar a diversidade genética de procariotos e eucariotos é o marcador molecular microssatélite. Os microssatélites são marcadores altamente polimórficos, de natureza multialélica, herança mendeliana e facilmente detectados por PCR (Reação em Cadeia da Polimerase). O objetivo desse trabalho foi verificar os níveis de variabilidade genética de três populações de matrinxã: duas provenientes de estações de piscicultura e uma de ambiente natural, visando à conservação dos recursos genéticos desse animal, por meio de marcadores microssatélites. Para tanto, foram isolados 31 locos de microssatélites por meio da construção de uma biblioteca genômica enriquecida de microssatélites de acordo com a metodologia de Billote (1999). A caracterização foi realizada em 32 indivíduos provenientes da natureza (população selvagem – lago Catalão, Manaus, Amazonas (3:09‘51,5‖S; 59:54‘22,8‖O). Como resultado, foram obtidos 16 locos polimórficos que foram utilizados para verificar a existência de estruturação entre as populações desse estudo. As análises estatísticas revelaram que há carência de heterozigotos (f > 0) em todas as populações estudadas. Também foi observado que há diferenciação genética entre as populações (FST = 0,1169; RST = 0,129). A Análise Molecular de Variância revelou que as populações estão diferenciadas, ou seja, estão com tendência a se tornarem grupos distintos. Além disso, as correlações entre distância genética (Nei, 1972) e identidade genética revelaram que as populações de Balbina e Rio Preto da Eva possivelmente são originárias de uma população comum, mas, com o tempo passaram a divergir geneticamente dos exemplares selvagens. Esse resultado pode ser confirmado pelo dendograma de UPGMA obtido a partir dos dados de distância genética com 100.000 bootstraps, no qual foram observados dois grupamentos distintos: o primeiro possui as duas populações de cativeiro no mesmo clado, enquanto a população da natureza está isolada em outro grupo. Uma análise Bayesiana foi realizada através do software Structure (Pritchard et al., 2000) com modelo que admite misturas entre as populações. Os resultados revelaram que as populações estudadas estão estruturadas geneticamente em três grupos distintos, ou seja, populações de Rio Preto da Eva, Balbina e Catalão. Cinco locos microssatélites mais polimórficos foram suficientes para determinar a relação de pais e filhos na população proveniente de Rio Preto da Eva. Essa medida pode cooperar com os programas de cruzamento seletivo. A estruturação observada nas populações estudadas indica que um novo rodízio de reprodutores deve ser realizado nas pisciculturas, visando o incremento nos níveis de produção. Em relação à população natural, a sobrepesca pode estar contribuindo para a baixa variabilidade genética detectada, porém novos estudos em outras populações ao longo do Rio Negro são necessários para se obter um melhor perfil genético para essa espécie na natureza.
Abstract: Fisheries and aquaculture are important economic activities in the Amazon region, both for subsistence and for commercial purposes. Among the native species in aquaculture farm, matrinxã (Brycon amazonicus) stands out for its good weight gain and good growth rate in captivity, and its acceptance for commercial food, getting good results on induced spawning. However its genetic profile in the wild and captivity is still unknow. Particularly when you consider that genetic variability is an important parameter to ensure the survival of a species before some environmental disturbance it is important to measure genetic variability. A tool to verify the genetic diversity of prokaryotes and eukaryotes is the microsatellite marker, because these markers are highly polymorphic in nature, multiallelic, present Mendelian inheritance, and are easily detected by PCR (Polymerase Chain Reaction). Therefore, the main goal of this study was to assess the genetic variability three populations of matrinxã: two from fish farms and one from a natural environment, with the aim of for conservation of genetic resources of this specie. For this purpose, 31 loci were isolated by constructing a genomic library enriched microsatellite according to the methodology Billote (1999). The characterization was performed using 32 individuals from nature (the wild population - Lake Catalan, Manaus, Amazonas). As a result, we obtained 16 polymorphic loci that were used to verify the existence of structuring among populations of this study. Statistical analyzes revealed that there is a lack of heterozygotes (f > 0) in all populations studied. It was also observed that there is a genetic differentiation (FST = 0.169; RST = 0.129). Molecular Analysis of Variance showed that populations are differentiated, i.e., with a tendency to become distinct groups. In addition, there was a correlation between genetic distance (Nei, 1972) and genetic identity, revealing that populations of Balbina and Rio Preto da Eva possibly originated from a common population, and over time began to divergent genetically from wild specimens. This result can be confirmed by the UPGMA dendrogram obtained using genetic distance with 100,000 bootstraps, which was observed in two separate groups: the first has two captive populations in the same clade, while the population is isolated from nature in another group. A Bayesian analysis was performed using the software Structure (Pritchard et al., 2000) with a model that allows mixing of populations. The results revealed that the populations are genetically structured in three distinct groups, ie, populations of Rio Preto da Eva, Balbina and Catalão. Five polymorphic microsatellite loci were sufficient to determine the relationship between parents and offspring in the population from Rio Preto da Eva. This measurent may cooperate with the programs of selective breeding. The structure observed in the studied populations indicates that a new rotation of parents must be done on fish farms, in order to increase the production levels. In relation to the wild population, overfishing may be contributed to the low genetic variability, but further studies in other populations along the Rio Negro are required to obtain a better genetic profile for this species in the nature.
Palavras-chave: Matrinxã
Brycon amazonicus
Microssatélite
Variabilidade
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)
Citação: ARAUJO , Gisele Torres Clímaco de. Isolamento, caracterização de locos microssatélites e estimativa da variabilidade genética de Brycon amazonicus (Spix & Agassiz, 1829) (Characidae: Bryconinae) em ambiente natural e cativeiro. 2012. 96 f. Dissertação( Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus 2012 .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/1923
Data de defesa: 8-Ago-2012
Aparece nas coleções:Mestrado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Gizele Torres Clímaco de Araujo.pdf1,37 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons