Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2069
Tipo do documento: Dissertação
Título: Aspectos gerais da fauna de vespas (Hymenoptera: Vespidae) da Amazônia central, com ênfase na reserva Ducke, Manaus, Amazonas, Brasil
Autor: Somavilla, Alexandre 
Primeiro orientador: Oliveira, Márcio Luiz de
Primeiro coorientador: Silveira, Orlando Tobias
Resumo: Vespidae é composta por sete subfamílias sendo que apenas três ocorrem no Brasil e no estado do Amazonas: Eumeninae, Masarinae e Polistinae, as duas primeiras de comportamento solitário ou primitivamente social e a última social. São reconhecidas aproximadamente 4.600 espécies válidas para o mundo e cerca de 600 para o Brasil. Apesar de ser um grupo com elevada riqueza de espécies e muito comum em áreas amazônicas o conhecimento sobre a diversidade e biologia desse táxon na região ainda é bastante precário. Portanto, este trabalho objetivou contribuir para o conhecimento a fauna de vespas da região central da Amazônia, apresentando informações sobre as espécies que ocorrem em uma área representativa dessa subregião, a Reserva Ducke, bem como uma chave de identificação das mesmas e um breve guia referente às colônias das vespas. Além de um inventário estruturado durante o ano de 2010 na grade do Programa de Pesquisa em Biodiversidade (PPBio) de 25 Km 2 , onde a captura das vespas foi realizada através da busca ativa, analisaram-se todas as vespas depositadas na Coleção de Invertebrados do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) coletadas com métodos indiretos como armadilha de Malaise, armadilha suspensa, armadilha luminosa, armadilha atrativa e a técnica do fogging. Registrou-se 118 espécies alocadas em 30 gêneros, representando cerca de 20% da fauna desta família para o Brasil. Polistinae possuiu a maior riqueza de espécies com 86 em 17 gêneros, sendo considerada a terceira maior diversidade de vespas sociais em áreas de reservas ou parques da Região Neotropical, enquanto que para Eumeninae identificou-se 32 espécies alocadas em 13 gêneros, Masarinae não foi registrada para a Reserva Ducke. 40 colônias de 18 espécies foram registradas e mapeadas. Já para o inventário estruturado identificou-se 58 espécies de vespas sociais, as espécies mais frequentes nos percursos de busca ativa foram Agelaia fulvofasciata, A. testacea e Angiopolybia pallens. Além disso, são apresentados nove novos registros de ocorrência para o Estado do Amazonas, sendo quatro de Polistinae (Clypearia apicipennis, Metapolybia nigra, Parachartergus richardsi, Pseudopolybia langi) e cinco de Eumeninae (Eumenes versicolor, Omicron criticum, Pachodynerus gianellii, Stenosigma testaceum, Zethus toltecus) e para o Brasil Leipomeles pusilla.
Abstract: Vespidae has seven subfamilies and only three occurr in state of Amazonas, Brazil: Eumeninae, Masarinae and Polistinae; the first two are solitary wasps or primitively social wasps and the last one has social behavior. Approximately 4.600 valid species are recorded in the world and more than 600 in Brazil. Despite being a group with high species richness and very common in Amazon, the knowledge about the diversity and biology of this taxon in Amazon region is considered insufficient. Therefore, this study aimed to contribute for the knowledge on wasp fauna, presenting information about the species that occur in a representative area of this subregion, “Reserva Ducke”, as well as an identification key for the species and a guide regarding the colonies of the wasps. Besides a structured inventory during the year of 2010 in a “Programa de Pesquisa em Biodiversidade” (PPBio) plot of 25 Km 2 and the capture of wasps besides the active search, we analized all the wasps deposited in the Coleção de Invertebrados of Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) captured with indirect methods: Malaise trap, suspended trap, luminous trap, attractive trap and the fogging technique. There were recorded 118 species allocated in 30 genera, representing about 20% of this family fauna to Brazil. Polistinae had the highest species richness with 86 species in 17 genera, and it is considered the third largest social wasp diversity in reserves and parks in the Neotropics Region, while for Eumeninae had 32 species placed in 13 genera, Masarinae was not recorded for “Reserva Ducke”. Forty colonies of 18 species were registered and mapped. For the structured inventory, 58 species of social wasps were identified, Agelaia fulvofasciata, A. testacea and Angiopolybia pallens were the most frequent species in active search. Besides, nine new records are presented for the state of Amazonas, four of Polistinae (Clypearia apicipennis, Metapolybia nigra, Parachartergus richardsi, Pseudopolybia langi) and five of Eumeninae (Eumenes versicolor, Omicron criticum, Pachodynerus gianellii, Stenosigma testaceum, Zethus toltecus) and a new record of Leipomeles pusilla to Brazil.
Palavras-chave: Vespas
Eumeninae
Vespidae
Área(s) do CNPq: ZOOLOGIA::ZOOLOGIA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências Biológicas (Entomologia)
Citação: SOMAVILLHA, Alexandre. Aspectos gerais da fauna de vespas (Hymenoptera: Vespidae) da Amazônia central, com ênfase na reserva Ducke, Manaus, Amazonas, Brasil. Manaus, [s.n.], 2012. xviii, 180 f.. Dissertação (Ciências Biológicas (Entomologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/2069
Data de defesa: 21-Fev-2012
Aparece nas coleções:Mestrado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Alexandre Somavilla.pdf29,47 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons