Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2117
Tipo do documento: Dissertação
Título: Geastrum lloydianum E G. subiculosum: Germinação de esporos, obtenção de culturas monocarióticas e dicarióticas e condições de crescimento micelial in vitro
Autor: Santana, Marcos Diones Ferreira 
Primeiro orientador: Ishikawa, Noemia Kazue
Segundo orientador: Baseia, Iuri Goulart
Resumo: O grande número de espécies do gênero Geastrum, família Geastraceae, bem como a grande semelhança morfológica entre as espécies desse gênero, tornam o processo de identificação bastante complexo, principalmente em regiões onde o número de taxonomistas é bastante reduzido, como na Amazônia. Diante da alta diversidade desse grupo e do pouco conhecimento disponível sobre seu crescimento e desenvolvimento em condições de laboratório, este trabalho apresenta métodos em condições ótimas de cultivo micelial de G. lloydianum e G. subiculosum, que foram selecionadas por serem espécies de ocorrência comum e por ocorrerem e todo período de estudo. O isolamento do micélio monocariótico a partir da germinação dos basidiósporos e os cruzamentos in vitro dos monocários para cada espécie é apresentado com o objetivo de contribuir para a compreensão da biologia e dinâmica entre estas espécies. O meio de cultura Batata Dextrose Ágar-preparado é indicado para o cultivo das duas espécies, com temperatura ótima de incubação a 30°C, em modo estacionário e pH 7. Esse mesmo meio de cultivo também é indicado para a germinação in vitro dos basidiósporos das duas espécies, sendo a germinação observada a partir de 35 dias de incubação, a 25°C, sem iluminação. A compatibilidade entre as culturas monocarióticas para as duas espécies foi confirmada pela presença de grampos de conexão no micélio resultante após pareamento, assim como pela similaridade molecular entre as amostras de micélio dicariótico oriundas do basidioma e amostras de micélio dicariótico resultante dos pareamentos compatíveis. Este estudo viabiliza futuros trabalhos envolvendo a compatibilidade sexual para o grupo e com isso, o que pode vir a tornar-se uma ferramenta útil para taxonomia pela comprovação de espécie biológica para o gênero Geastrum.
Abstract: The large number of species of the genus Geastrum, family Geastraceae, as well as the high morphological similarity among the species, make the identification process very complex, mainly in regions where the number of taxonomists is scarce, as in the Amazon. Due to the high diversity of this group and the few information about its growth and development in laboratory conditions, this work presents methods in ideal conditions of mycelial cultivation of G. lloydianum and G. subiculosum, species of common occurrence and occur the study period. The isolation of the monokaryotic mycelium after germination of its basidiospores and the mate in vitro for each species is presented in order to contribute to the understanding of the biology and dynamics of these species. The mean of culture Potato Dextrose Agar-prepared is indicated to the cultivation of both species, with good incubation temperature at 30ºC in stationary mode, with pH 7. This mean of culture is also indicated to the germination in vitro of the basidiospores from the two species that started with 35 days of incubation at 25ºC, without illumination. The compatibility among the isolated monokaryotics cultures of both species through in vitro mating was confirmed by observing the clamp connection on the resulting mycelium after pairing, the molecular similarity between samples of dikaryotic mycelium originated from basidiocarp, as well as the resulting dikaryotic mycelium samples observed after mating. This study enables future work involving to sexual compatibility studies, becoming a useful tool to taxonomy and providing evidence of a biological species in the genus Geastrum.
Palavras-chave: cultivo micelial
germinação de esporos
monocários
Área(s) do CNPq: BOTANICA::MORFOLOGIA VEGETAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências Biológicas (Botânica)
Citação: Santana, Marcos Diones Ferreira. Geastrum lloydianum E G. subiculosum: Germinação de esporos, obtenção de culturas monocarióticas e dicarióticas e condições de crescimento micelial in vitro. 2005. 62 f.. Dissertação( Ciências Biológicas (Botânica)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus. 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2117
Data de defesa: 29-Jul-2005
Aparece nas coleções:Mestrado - BOT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PPGBot_Dissertação_Marcos_Santana.pdf1,48 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons