Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2150
Tipo do documento: Dissertação
Título: Peixe-boi da Amazônia (trichechus inunguis natterer 1883): mortalidade e uso do habitat na reserva de desenvolvimento sustentável Piagaçu-Purus, Amazonas, Brasil.
Autor: Souza , Diogo Alexandre de 
Primeiro orientador: Silva, Vera Maria Ferreira da
Resumo: O peixe-boi da Amazônia (Trichechus inunguis) é endêmico da bacia Amazônica e o único sirênio exclusivamente de água doce. Devido à dificuldade na coleta de dados sistemáticos na natureza, o conhecimento local das populações ribeirinhas tem sido a principal fonte de informação populacional e ecológica dessa espécie vulnerável à extinção. A fim de subsidiar estratégias de conservação da espécie em longo prazo, o objetivo deste estudo foi avaliar o estado atual da população de T. inunguis na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu-Purus (RDS-PP), Amazonas. Este estudo foi organizado em dois capítulos, com metodologias e abordagens distintas. No primeiro capítulo, por meio de entrevistas semi-estruturadas com 39 informantes (caçadores de peixe-boi e moradores que tiveram contato com a espécie), verificou-se a mortalidade do peixe-boi nos últimos 25 anos na RDS-PP e a percepção dos comunitários sobre a conservação da espécie na região. Informações relevantes sobre o número mínimo de peixes-bois mortos por captura direta ou acidental, os métodos de caça e sua relação com o pulso de inundação, foram fornecidas pelos entrevistados. No geral, os resultados indicam mudanças positivas quanto à atitude de conservação do peixe-boi na região, principalmente após a criação da reserva. No segundo capítulo, investigou-se a influência de variáveis ambientais na estimativa de ocupação e probabilidade de detecção do peixe-boi em 16 lagos de várzea e um lago de ria da reserva, além de avaliar a eficácia de dois métodos de amostragem (busca ativa e transectos) para estimar a ocupação da espécie. A coleta de dados consistiu em visitas a 33 pontos de amostragem, entre agosto e novembro/2014, correspondente à época de vazante/seca do rio Purus. Em 265 horas de esforço de observação, foram registradas 91 evidências de peixe-boi. Como esperado, nem sempre a espécie foi detectada quando presente. O uso combinado de métodos de amostragem para detecção do peixe-boi forneceu estimativas de ocupação mais precisas. Os resultados apontam que os impactos gerados pelos moradores das comunidades estudadas, como a pesca e o trânsito de embarcações, parecem não interferir negativamente na ocupação do peixe-boi, pois as maiores probabilidades de ocupação da espécie ocorreram em pontos mais próximos das comunidades humanas. Estes resultados buscam contribuir com futuros projetos de monitoramento e conservação da espécie na RDS-PP e na Amazônia Brasileira.
Abstract: The Amazonian manatee (Trichechus inunguis) is endemic to the Amazon basin and the only exclusively freshwater sirenian. Because is difficult to collect systematic data in the wild, the local knowledge of riverine communities has been the main source of populational and ecological information for this endagered species. In order to support long term conservation strategies for the species, the goal of this study was to assess the current status of the population on T. inunguis mortality in the Piagaçu-Purus Sustainable Development Reserve (PP-SDR), Amazonas state, Brazil. This study was organized in two chapters, with different approaches and methodologies. In the first chapter, the manatee mortality in the last 25 years in PP-SDR was estimated using interviews with 39 informants (manatee hunters or local residents who had contact with the species), and the perceptions of local community members on the conservation of the species in the region were recorded. Relevant information about the minimum number of manatees killed by direct or indirect capture, methods of hunting and its relationship with the flood pulse were provided by respondents. Overall, the results indicate positive changes in the manatee conservation attitude in the region, mainly after creation of the reserve. In the second chapter, the occupancy and probability of detection of Amazonian manatee was investigated in 16 floodplain and aria lakes of the PP-SDR and the effectiveness of two sampling methods for estimating occupation of the species was evaluated. Data collection consisted of visits to 33 sampling points between August and November 2014, which corresponds to the Purus River low water season. Within 265 hours of observation effort, 91 manatee evidences were recorded. As expected, the species was not always detected when present. The combined use of direct and indirect methods to detecting the Amazonian manatee provided more precise occupation estimates. The results show that generated impacts by residents of the studied communities, such as commercial fishing and transit of vessels, are not interfering in manatee occupation because the highest probabilities of occupation of the species were closer to human communities. These findings seek to contribute to future conservation projects and monitoring of the species in the Piagaçu Purus SDR and in the Brazilian Amazon.
Palavras-chave: Peixe-boi
Etnobiologia
Sirênios
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Biologia de Água Doce e Pesca Interior
Citação: Souza , Diogo Alexandre de. Peixe-boi da Amazônia (trichechus inunguis natterer 1883): mortalidade e uso do habitat na reserva de desenvolvimento sustentável Piagaçu-Purus, Amazonas, Brasil.. 2015.130 f.. Dissertação( Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus,2015 .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2150
Data de defesa: 21-Jul-2015
Aparece nas coleções:Mestrado - BADPI

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Diogo Alexandre de Souza. 2015. DISSERTAÇÃO FINAL.pdf3,32 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons