Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2213
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo taxonômico de Anapolisia Piza, 1980 e descrições de novos gêneros de Microcentrini (Orthoptera: Tettigoniidae: Phaneropterinae)
Autor: Mendes, Diego Matheus de Mello 
Primeiro orientador: Rafael, José Albertino
Primeiro coorientador: Rengifo, Juliana Chamorro
Resumo: Anapolisia Piza, 1980 (Orthoptera, Tettigoniidae, Phaneropterinae, Microcentrini) é caracterizado pela cabeça arredondada, fêmur posterior sete vezes mais longo que largo e com faixas hialinas nas tégminas. São conhecidas atualmente seis espécies: A. modesta Piza, 1980, A. micromargaritifera Piza, 1980, A. zonatum Giglio-Tos, 1838, A. colossea Brunner Vandervalnd, 1845, A. senta (Grant, 1960) e A. maculosa (Bowen-Jones, 2000), distribuídas desde a Costa Rica até o Sul do Brasil. As características diagnósticas atuais do gênero são sucintas e não definem os limites para o grupo, incluindo também táxons de outros gêneros de Microcentrini próximos morfologicamente. Neste estudo foi realizada a revisão taxonômica de Anapolisia baseada no material-tipo das espécies descritas, em espécimes provenientes de coleções nacionais e estrangeiras, e na literatura disponível. Os espécimes foram examinados sob microscópio estereoscópio e imagens foram obtidas ultilizando-se lupa com câmera e sistema de automontagem. Foram examinados 308 exemplares provenientes de diversas localidades da Costa Rica, Colômbia e Brasil. Para Anapolisia foram mantidas as espécies Anapolisia modesta e Anapolisia micromargaritifera e são descritas dez espécies novas: Anapolisia amazonica sp. nov.; Anapolisia atlantica sp. nov.; Anapolisia cerradensis sp. nov.; Anapolisia igapo sp. nov.; Anapolisia ipixuna sp. nov.; Anapolisia mulata sp. nov.; Anapolisia picta sp. nov. e Anapolisia riodoce sp. nov. Tropicophyllum Koçal & Kemal, 2008 que era uma sinonímia de Anapolisia foi revalidado, sendo mantidas quatro espécies: Tropicophyllum zonatum (Giglio-Tos, 1898), Tropicophyllum sentum (Grant, 1958), Tropicophyllum colosseum (Brunner von Wattenwyl, 1878) e Tropicophyllum maculosum (Bowen-Jones, 2000) e é descrita Tropicophyllum pygmaeum sp. nov. Adicionalmente se descrevem quatro novos gêneros para tribo Microcentrini: Caauara gen. nov.; Capiguara gen. nov.; Hyalipenna gen. nov. e Tuaia gen. nov., com um total de sete espécies novas: Caauara pinima sp. nov.; Caauara cabocla sp. nov.; Capiguara trimaculata sp. nov.; Capiguara betinho sp. nov.; Hyalipenna tetralineata sp. nov.; Tuaia sinuosa sp. nov. e Tuaia poranga sp. nov. São fornecidos chaves de identificação para gêneros e espécies, diagnoses, descrições ou redescrições, registros geográficos, ilustrações e comentários sobre habitat e comportamento das espécies. A morfologia da genitália masculina é usada como caracter taxonômico. A distribuição geográfica dos grupos é atualizada e se discute sobre as áreas de endemismo para as espécies amazônicas.
Abstract: Anapolisia Piza, 1980 (Orthoptera, Tettigoniidae, Phaneropterinae, Microcentrini) is characterized by its rounded head, forefemur sevenfold longer than wide and with hyaline bands in tegmen. There are six known species: A. modesta Piza, 1980, A. micromargaritifera Piza, 1980, A. zonatum Giglio-Tos, 1838, A. colossea Brunner Vandervalnd, 1845, A. senta (Grant, 1960) and A. maculosa (Bowen-Jones, 2000). These are distributed from Costa Rica, in Central America until the south region from Brazil. The current diagnosis of the genus is insufficient and do not delimit the group boundaries, comprising also morphologically similar Microcentrini genera. This taxonomic revision ofAnapolisia was made to solve these problems and the study was based on type material of the described species, others specimens from Brazilian and international collections, and literature. The specimens were examined under stereomicroscope and posteriorly photographed with stereomicroscope attached with an automontage system. There were examined 308 specimens from several localities from Costa Rica, Colombia and Brazil. Two valid species remain in Anapolisia: Anapolisia modesta and Anapolisia micromargaritifera. Eigth new species are described: Anapolisia amazonica sp. nov.; Anapolisia atlantica sp. nov.; Anapolisia cerradensis sp. nov.; Anapolisia igapo sp. nov.; Anapolisia ipixuna sp. nov.; Anapolisia mulata sp. nov.; Anapolisia picta sp. nov. and Anapolisia riodoce sp. nov. Tropicophyllum Koçal & Kemal, 2008 previously an Anapolisia synonym was revalidated along four species: Tropicophyllum zonatum (Giglio-Tos, 1898), Tropicophyllum sentum (Grant, 1958), Tropicophyllum colosseum (Brunner von Wattenwyl, 1878) and Tropicophyllum maculosum (Bowen-Jones, 2000). It is also described the new species T. pygmaeum sp. nov.. Furthermore, four new genera were described to Microcentrini: Caauara gen. nov.; Capiguara gen. nov.; Hyalipenna gen. nov. e Tuaia gen. nov.; and seven new species: Caauara pinima sp. nov.; Caauara cabocla sp. nov.; Capiguara trimaculata sp. nov.; Capiguara betinho sp. nov.; Hyalipenna tetralineata sp. nov.; Tuaia sinuosa sp. nov. e Tuaia poranga sp. nov.. There are provided identification keys for genera and species , diagnosis, descriptions or redescriptions, geographical records, illustrations, behavioral and habitat notes. The male genitalia is presented to the group. The geographical distribution of the genus is updated and it is discussed on the distribution of the amazonic species and theareas of endemism.
Palavras-chave: Anapolisia Piza
Neotrópico
Taxonomia
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências Biológicas (Entomologia)
Citação: Mendes, Diego Matheus de Mello. Estudo taxonômico de Anapolisia Piza, 1980 e descrições de novos gêneros de Microcentrini (Orthoptera: Tettigoniidae: Phaneropterinae). 2016. 236 f.. Dissertação( Ciências Biológicas (Entomologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus,2016 .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2213
Data de defesa: 27-Jul-2016
Aparece nas coleções:Mestrado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Diego Mendes.pdf26,28 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons