Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2373
Tipo do documento: Dissertação
Título: Variabilidade da ocorrência de deslizamentos de terra e sua relação com a precipitação na cidade de Manaus
Autor: Barbosa, Rafael Gomes 
Primeiro orientador: Souza, Rodrigo Augusto Ferreira de
Primeiro coorientador: Oliveira, Maria Betânia Leal de
Resumo: A partir da criação da Zona Franca de Manaus a capital amazonense sofreu crescimento populacional acentuado devido ao êxodo provocado pela geração de atividades comerciais e agrárias, tendo o território urbano tomado conta das zonas mais afastadas, sem infraestrutura básica. A cidade é caracterizada como uma região plana seccionada por cursos de água (igarapés) com o nível topográfico aumentando de acordo com a distância do rio da mesma maneira que a declividade. Desta forma, a associação das características físicas do terreno às sociais formou zonas de risco com 23 mil residências (Defesa Civil do Amazonas, 2013) sujeitas a fenômenos como deslizamentos de terra, problema agravado pelo marcante regime local de precipitação. Para explorar a ocorrência desses desastres naturais e sua relação com as chuvas, foram utilizados registros de deslizamentos de terra da Defesa Civil de Manaus, entre 2010 e 2015, juntamente com registros de precipitação de uma rede de estações meteorológicas automáticas e estimativas de precipitação por Radar meteorológico, além de imagens de satélite, dados de radiossondagens, Reanálise do NCEP e analises sinóticas. As análises indicaram forte relação entre as variáveis, com a sazonalidade das ocorrências acompanhando a da precipitação – maior (menor) número de deslizamentos ocorrendo predominantemente nos meses mais chuvosos (secos). De acordo com as observações de ocorrências de deslizamentos as zonas norte e leste são as mais atingidas, e as zonas centro-sul e centro-oeste foram as que menos apresentaram registros. Considerando acumulados de precipitação entre 24 e 96 h que antecederam os registros feitos pela Defesa Civil, foram observados menores valores de precipitação relacionados a deslizamentos nas zonas norte e leste, e para as demais zonas valores de precipitação mais altos para o desencadeamento desses desastres. Os estudos de caso mostraram que os deslizamentos ocorreram devido a precipitação acumulada em dias seguidos (saturação gradual do solo) e a eventos de precipitação mais intensa em um único dia. Diante dos resultados, tem-se que os deslizamentos não estão espacialmente distribuídos na cidade sendo as zonas norte e leste as mais afetadas em razão das características geográficas associadas à precipitação. Ainda, se faz necessário a utilização de um período maior e diferentes fontes de dados para elucidar montantes específicos de precipitação capazes de gerar os fenômenos naturais em questão.
Abstract: Since the creation of the Manaus Free Trade Zone, the Amazonian capital experienced a strong population growth due to the exodus caused by the generation of commercial and agrarian activities, having in the urban territory taken account of outlying areas, without basic infrastructure. The city is characterized as a flat region sectioned by watercourses (igarapés) with the topographical level increasing according to the distance of the Negro River in the same manner as the slope. In this way, the association of the physical characteristics of the land with the social ones formed zones of risk with 23 thousand residences (Civil Defense of Amazonas, 2013) subject to phenomena such as landslides, a problem aggravated by the marked local precipitation regime. To explore the occurrence of these natural disasters and its relationship with rains, were used records of landslides of Manaus Civil Defense, between 2010 and 2015, along with precipitation records from a network of automatic weather stations and Weather Radar precipitation estimates, in addition to satellite imagery, radio sounding data, NCEP Reanalysis and synoptic analysis. The analysis indicated a strong relation between the variables, with the seasonality of occurrences following the precipitation – greater (smaller) number of landslides occurring predominantly in the wettest months (dry). Were found in the north and east zones suffering the hardest hit, and the south central and midwest were the ones which presented less records of landslides. Considering accumulated precipitation between 24 and 96 h preceding the records made by the Civil Defense, smaller values of precipitation were observed related to landslides in the northern and eastern areas, and the other areas had highest precipitation values for triggering these disasters. The case studies revealed the landslides occurring due to cumulative precipitation on consecutive days (gradual saturation of the soil) and to more intense precipitation events in a single day. In front of the results, it is observed that the landslides are not spatially distributed in the city being the northern and eastern areas most affected due to geographical characteristics associated with precipitation. Still, it is necessary to use a longer period and different data sources to elucidate specific amounts of precipitation capable of generating natural phenomena in question.
Palavras-chave: Precipitação
Deslizamentos
Desastres naturais
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Clima e Ambiente (CLIAMB)
Citação: Barbosa, Rafael Gomes. Variabilidade da ocorrência de deslizamentos de terra e sua relação com a precipitação na cidade de Manaus. 2017. 93 f. Dissertação( Clima e Ambiente (CLIAMB)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus,2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2373
Data de defesa: 28-Jun-2017
Aparece nas coleções:Mestrado - CLIAMB

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Rafael Barbosa UEA INPA.pdf4,85 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons