Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2377
Tipo do documento: Dissertação
Título: Diversidade de espécies de morcegos (Mammalia: Chiroptera) na Amazônia brasileira
Autor: Oliveira , Roberta Cunha de 
Primeiro orientador: Farias, Izeni Pires
Primeiro coorientador: Bobrowiec, Paulo Estefano
Resumo: A Amazônia contribui com a maior parte da diversidade de espécies de morcegos do Brasil, porém, mesmo contribuindo para a diversidade, a Amazônia ainda é uma enorme lacuna de conhecimento para a fauna de morcegos do Brasil, existindo registros formais de espécies de morcegos em menos de 24% do bioma Amazônia, o que torna o estudo desse grupo essencial neste bioma. Devido aos desafios encontrados na identificação das espécies por meio da utilização apenas da taxonomia tradicional com base em análises de caracteres morfológicos, a aplicação de métodos moleculares é cada vez mais utilizado na identificação de espécies, por sua capacidade de detectar padrões de subdivisão filogenética e espécies crípticas, muitas vezes não mensuradas em análises apenas por meio da morfologia. Um dos métodos moleculares utilizados para estudar a diversidade de espécies é o código de barras de DNA (DNA barcode), proposto como um sistema universal de identificação e delimitação de espécies animais. A maioria dos estudos de código de barras genético anteriores geraram hipóteses sobre a existência de espécies crípticas baseado em elevada divergência genética intraespecífica entre as linhagens, algumas das quais foram posteriormente reconhecidas como tendo diferenças morfológicas ou ecológicos, apoiando o uso de código de barras para a descoberta de espécies. Dados os fatos, no presente estudo foram obtidos dados da diversidade genética intraespecífica, com análises filogeográficas, de 39 espécies de morcegos em cinco localidades na Amazônia brasileira, utilizando o gene mitocondrial COI. Análises de riqueza de espécies foram realizadas, mostrando que a riqueza total de espécies de morcegos não foi totalmente amostrada nas seis localidades estudadas, refletindo apenas 44% do previsto para a Amazônia, porém pode-se afirmar que foram amostradas espécies comuns, amplamente distribuídas na região Amazônica, bem como espécies que são restritas a determinadas áreas e ambientes. De acordo com os dados obtidos, 17 espécies apresentaram divergências intraespecíficas acima do limiar (>2%), formando grupos de possíveis linhagens crípticas na Amazônia, sendo que 8 delas apresentaram linhagens especificas da Amazônia brasileira. Os resultados evidenciaram que a distribuição das espécies/linhagens de morcegos estudadas é bastante heterogênea na Amazônia brasileira, visto que um só padrão biogeográfico não explica tal distribuição da diversidade observada. Vale ressaltar ainda que com a biblioteca de código de barras de DNA obtida neste estudo, pode-se ter uma ferramenta de identificação eficaz para qualquer fauna de morcegos na bacia Amazônica.
Abstract: The Amazon contributes most of the species diversity to Brazil's bats, but even contributing to this diversity, the Amazon is still represents a huge knowledge gap of Brazil's bat fauna. Formal records bat species exist in less than 24% of the Brazilian Amazon, which makes essential the study of this group in this biome. Due to the challenges encountered in the identification of the species through the use of traditional taxonomy based on morphological analyses, molecular methods are increasingly applied in species’ identification, by its ability to detect phylogenetic subdivisions and cryptic species. One of the molecular methods used to study species diversity is the DNA barcode, proposed as an universal system for identifying and delimiting species. Most previous molecular barcode studies generated hypotheses of the existence of sibling species based on high intraspecific molecular divergence between lineages, some of which were subsequently recognized as having morphological or ecological differences, supporting the use of the DNA barcode for species discovery. Given these facts, in the present study we obtained intraspecific molecular diversity data for 39 species of bats in five localities in the Brazilian Amazon, using the mitochondrial gene COI. Species richness analyzes were performed, showing that the total diversity of bat species was not fully sampled in the six locations studied here, reflecting only 44% the predicted species diversity for the Amazon, but we did sample the common and widely distributed species in the Amazon, as well as species that are restricted to certain areas and environments. According to the obtained data, 17 species showed intraspecific differences above the 2% threshold, forming groups of possible cryptic lineages in the Amazon, with eight of them had lineages specific to the Brazilian Amazon. The results showed that the distribution of species/lineages in the Brazilian Amazon is quite heterogeneous, since one biogeographic pattern does not explain patterns of distribution. It is noteworthy that even with the DNA barcode library obtained in this study, can have an effective identification tool for any bat fauna in the Amazon basin.
Palavras-chave: Morcegos
Filogeografia
Linhagens crípticas
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)
Citação: Oliveira , Roberta Cunha de. Diversidade de espécies de morcegos (Mammalia: Chiroptera) na Amazônia brasileira. 2016. 67 f. Dissertação( Genética, Conservação e Biologia Evolutiva (GCBEv)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus,2016 .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2377
Data de defesa: 6-Jul-2016
Aparece nas coleções:Mestrado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Roberta_GCBEv.pdf3,62 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons