Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2507
Tipo do documento: Dissertação
Título: Reconsiderando a tipologia das águas de Wallace: escolha de água de igarapé e maior sucesso de desova em um peixe amazônico
Autor: Silva, Gabriel Stefanelli 
Primeiro orientador: Zuanon, Jansen Alfredo Sampaio
Primeiro coorientador: Pires, Tiago Henrique da Silva
Resumo: Alfred Russel Wallace classificou as águas amazônicas em três: preta, branca e clara. Tem sido demonstrado que a adaptação a esses tipos d’água afeta o fluxo gênico, gerando uma importante fonte de diversificação para os peixes da Amazônia. Contudo, essa classificação é focada em grandes rios e não leva em consideração os pequenos cursos de água que permeiam a floresta de terra firme, conhecidos como igarapés. Comparados aos canais dos grandes rios, os igarapés cobrem uma área muito maior que a do Rio Amazonas e apresentam sua própria hidroquímica, principalmente devido à sua distinta composição florística. Nós avaliamos a importância da hidroquímica na escolha de habitat e na desova em Crenuchus spilurus, um pequeno peixe que habita igarapés inseridos em bacias de água preta e branca. Linhagens do Rio Negro (água preta) e Rio Amazonas (água branca) mostraram seleção ativa de água de igarapé e apresentaram sucesso de desova maior em água de igarapé quando comparado à água de floresta inundada. Devido ao papel das condições hidroquímicas de igarapé em moldar reprodução e comportamento, nossos resultados expandem as ideias de Wallace de que os tipos de água influenciam a diversidade, fornecendo evidência que igarapés representam um importante habitat mediando adaptação em peixes amazônicos.
Abstract: Following Alfred Russel Wallace, Amazonian freshwaters have been classified into three main types: black, white and clear. Adaptation to water types has been demonstrated to affect gene flow, making it an important source for diversification of the Amazonian fish fauna. However, this classification focuses on large rivers and fails to acknowledge the importance of small forest streams that flow through non-flooded forest, known as igarapés. As compared to large river channels, igarapés cover a much greater area than the Amazon River and have a distinct hydrochemistry, mostly due to soil and vegetation. We assessed the importance of water type on habitat choice and spawning in Crenuchus spilurus, a small fish that inhabits igarapés inserted within blackwater and whitewater river basins. Lineages from the Rio Negro (blackwater) and Amazon River (whitewater) basins showed active selection of igarapé water in habitat choice trials and had greater spawning success in igarapé water when compared to water from their respective flooded forest basin. Due to the hydrochemical conditions of igarapés acting to shape reproduction and behavior of C. spilurus, our results expand Wallace’s intuition that water types influence diversity by providing evidence that igarapés represent an important habitat driving adaptation in Amazonian fishes.
Palavras-chave: Crenuchus spilurus
Isolamento reprodutivo
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Biologia (Ecologia)
Citação: Silva, Gabriel Stefanelli. Reconsiderando a tipologia das águas de Wallace: escolha de água de igarapé e maior sucesso de desova em um peixe amazônico. 2018. 24 f. Dissertação( Biologia (Ecologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2507
Data de defesa: 12-Abr-2018
Aparece nas coleções:Mestrado - ECO

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Gabriel Stefanelli.pdf619,88 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons