Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2516
Tipo do documento: Tese
Título: Germinação, desenvolvimento de plântula, variabilidade genética, morfoanatomia e mobilização de reservas em sementes de Jarina (Phytelephas Macrocarpa Ruíz & Pavón)
Autor: Ferraz, Pedro de Albuquerque 
Primeiro orientador: Ferreira, Sidney Alberto do Nascimento
Primeiro coorientador: Ferreira, Evandro José Linhares
Resumo: A jarina (Phytelephas macrocarpa Ruíz & Pavón), também conhecida como “marfim vegetal”, é uma palmeira de ocorrência natural na Amazônia ocidental e suas sementes são utilizadas para confecção de botões, artesanatos e biojoias. Sua exploração é essencialmente extrativista, existindo poucos estudos relacionados com a biologia e aspectos silviculturais da espécie. A germinação das sementes é demorada, irregular e, às vezes, muito baixa. Este trabalho foi dividido em dois capítulos. No primeiro, objetivou-se avaliar características morfofisiológicas das sementes e plântulas de diferentes progênies de jarina, a partir das quais se inferiu sobre a variabilidade genética da mesma. Nesse, foram utilizadas sementes de quinze progênies e avaliado o grau de umidade, caraterísticas biométricas das sementes e aspectos da germinação e do desenvolvimento da plântula, num total de trinta e uma variáveis. A partir das variáveis que apresentaram diferenças significativas (vinte e quatro) foi feito um estudo de agrupamento (UPGMA) e análise de componentes principais (ACP). No segundo capítulo, objetivou-se investigar aspectos morfoanatômicos, histoquímicos e da mobilização de reservas orgânicas (lipídios, proteínas, amido e açúcares solúveis), em sementes e plântulas de P. macrocarpa. As progênies de jarina apresentaram diferenças significativas para vinte e quatro características relacionadas à biometria, germinação e desenvolvimento da plântula, indicando variação genética entre as mesmas. Três progênies se destacaram (P04, P11 e P12) por apresentarem os maiores percentuais de germinação e dos diferentes estádios de desenvolvimento da plântula, além de maiores índices de velocidades e menores tempos para alcançar tais percentuais. A partir de quinze progênies de jarina e vinte e quatro caracteres relacionados com a morfofisiologia da semente, germinação e plântula, foram encontrados quatro grupos genéticos distintos. P. macrocarpa apresentou características morfoanatômicas particulares e diferenças na dinâmica de mobilização dos metabólitos primários, tendo o amido como reserva majoritária, seguido de lipídeos, proteínas e açúcares solúveis totais. Os testes histoquímicos nos tecidos do haustório e endosperma, com as plântulas em diferentes estádios, confirmaram a presença de reservas primárias (amido, lipídeos e proteínas), bem como pectinas, mucilagens e compostos fenólicos.
Abstract: The jarina palm (Phytelephas macrocarpa Ruiz & Pavón), also known as "vegetable ivory", is a naturally occurring palm in western Amazonia and its seeds are used for making buttons, handicrafts and biojoias. Its exploitation is essentially extractive, and to date only a few studies related to the biology and silviculture aspects of it have been carried out. Its seed germination is slow, irregular and sometimes very low. This work has been divided into two chapters. In the first one, the objective was to evaluate the morphophysiological characteristics of the seeds and seedlings from different progenies of jarina to infer about its genetic variation. Seeds of fifteen progenies were used and the degree of moisture, seeds biometric, and aspects of germination and seedling development were evaluated using thirty-one variables. From the twenty four variables that presented significant differences, a grouping study (UPGMA) and principal component analysis (PCA) were carried out. In the second chapter, the objective was to investigate morphoanatomic, histochemical and mobilization of organic reserves (lipids, proteins, starch and soluble sugars) in seeds and seedlings of the jarina palm. The evaluated progenies presented significant differences for twenty four characteristics related to the biometry, germination and development of the seedling, indicating genetic variation between them. Three progenies stood out (P04, P11 and P12) for they highest percentages of germination and the different stages of seedling development, as well as higher speed indexes and shorter times to reach these percentages. From the fifteen progenies of jarina and twenty-four characters related to the morphophysiology of seed, germination and seedling, four distinct genetic groups were found. The jarina palm presented particular morphoanatomic characteristics and differences in the mobilization dynamics of the primary metabolites, with the starch as the major reserve, followed by lipids, proteins and total soluble sugars. Histochemical tests on the haustory and endosperm tissues, with seedlings at different stages, confirmed the presence of primary reserves (starch, lipids and proteins), as well as pectins, mucilages and phenolic compounds.
Palavras-chave: Palmeira
Marfim vegetal
Propagação sexuada
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências de Florestas Tropicais (CFT)
Citação: Ferraz, Pedro de Albuquerque. Germinação, desenvolvimento de plântula, variabilidade genética, morfoanatomia e mobilização de reservas em sementes de Jarina (Phytelephas Macrocarpa Ruíz & Pavón). 2017. 89 f. Tese( Ciências de Florestas Tropicais (CFT)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2516
Data de defesa: 30-Ago-2017
Aparece nas coleções:Doutorado - CFT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese Pedro de Albuquerque Ferraz.pdf2,63 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons