Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2535
Tipo do documento: Dissertação
Título: Insetos visitantes florais associados a um guaranazal (Paullinia cupana var. sorbilis (Mart.) Ducke), com notas sobre sua polinização
Autor: Oliveira, Matheus Montefusco de 
Primeiro orientador: Oliveira, Marcio Luiz de
Primeiro coorientador: Krug, Cristiane
Resumo: Entre os agentes polinizadores, as abelhas se destacam por apresentar modificações morfológicas e comportamentaisque permitem a polinização da maioria das espécies vegetais naturais e cultivadas como o guaraná (Paullinia cupana var. sorbilis (Mart.) Ducke). O guaraná é uma cultura cuja antese inicia à noite e os polinizadores efetivos não estão totalmente definidos. Assim, neste trabalho foi estudada uma comunidade de insetos visitantes florais e as plantas utilizadas por estes em uma área associada ao cultivo de guaraná, bem como alguns aspectos da biologia floral contribuindo com informações para elucidar lacunas da polinização do guaraná. A coleta ativa dos insetos visitantes florais foi realizada mensalmente durante um ano, em um transecto de aproximadamente 3,5 Km no entorno de cultivos de guaraná. Os experimentos e testes de biologia floral, reprodutiva e eficiência dos polinizadores foram realizados em clones BRS- Maués na Embrapa Amazônia Ocidental. Foram amostrados um total de 3.269 insetos, coletados em 47 das 59 espécies de plantas férteis avaliadas ao longo do transecto. Os insetos visitantes florais coletados pertencem a 271 espécies distribuídas em 38 famílias de três ordens megadiversas: Lepidoptera, Diptera e Hymenoptera. Foram coletadas 2.691 abelhas de 115 espécies, sendo Apidae a família mais abundante (92,6 %), seguido por Halictidae (5,7 %), Megachilidae (0,6 %) e Colletidae (1,1 %). Spemacoce alata conhecida popularmente por Erva-quente foi a espécie de planta mais utilizada pelas abelhas, sendo uma importante fonte de recurso para a comunidade de abelhas visitantes florais ao longo do ano. As flores de guaraná possuem glândulas produtoras de odor e guia de néctar. Os picos de receptividade estigmática e viabilidade polínica ocorrem por volta das nove horas, período de maior atividade dos visitantes diurnos do guaraná. O guaranazeiro depende totalmente de polinizadores, os frutos e sementes de maior qualidade e mais pesados foram formados a partir de polinizações realizadas por volta das cinco e nove horas. Este período corresponde ao pico de atividade das abelhas noturnas, Megalopta spp., e diurnas como Melipona spp. e Apis mellifera scutellata.
Abstract: Among the pollinating agents, such as bees stands out through present morphological and behavioral modifications being responsible for the pollination of the most natural and cultivated plant species such as guarana. It is a culture with nocturnal anthesis, but the real pollinators are not defined yet. In this work a community of insect floral visitors and the plants visited by them was studied in an area associated with guaraná cultivation, contributing with information to maintain the pollinators in the area of cultivation in a sustainable way and to elucidate gaps of the pollination of guaraná. The collection of floral visitors was carried out monthly for a year, between June 2016 and May 2017, in a transect of approximately 3.5 Km around guaraná crops. The experiments and tests of floral, reproductive biology and efficiency of the pollinators were carried out on BRS-Maués clones at Embrapa Amazônia Occidental. 3,269 insects were collected from 47 from 59 fertile plant species evaluated along the transect. The collected floral insects belong to 271 species distributed in 38 families of three megadiverse orders, Lepidoptera, Diptera, and Hymenoptera. A total of 2,691 bees were collected from 115 species, with Apidae being the most abundant family (92.6%), followed by Halictidae (5,7%), Megachilidae (0.6%) and Colletidae (1,1%). Spemacoce alata was the species of the plant most used by bees, is an important resource for the community of bees visitors floral over a year. The presence of nectar guides and odor producing glands in pistillate and staminate flowers were evaluated. The guaraná reproductive system was evaluated through hand cross-pollination, natural cross-pollination, and spontaneous self-pollination treatments as well as the efficiency of floral visitors. The period with greater stigmatic receptivity and pollen viability occurs around 9:00 am and period of greater activity of day visitors of guarana. Guaraná plant depends entirely on pollinators, the highest quality and heavier fruits and seeds were formed from pollinations carried out around 5:00 am and 09:00 am. This period corresponds to the greater activity of nocturnal bees, Megalopta spp., and diurnal as Melipona spp. and Apis mellifera scutellata.
Palavras-chave: Abelhas
Guaraná
Polinização
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Ciências Biológicas (Entomologia)
Citação: Oliveira, Matheus Montefusco de. Insetos visitantes florais associados a um guaranazal (Paullinia cupana var. sorbilis (Mart.) Ducke), com notas sobre sua polinização. 2018. 95 f. Dissertação( Ciências Biológicas (Entomologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2535
Data de defesa: 29-Mar-2018
Aparece nas coleções:Mestrado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Matheus Montefusco de Oliveira.pdf2,8 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons