Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2614
Tipo do documento: Dissertação
Título: Biocarvão e pó de serra no cultivo do feijão-caupi (Vigna unguigulata) em solo de terra firme da Amazônia Central
Autor: Cedano, Johnny Carlos Campos 
Primeiro orientador: Falcão, Newton Paulo de Souza
Primeiro coorientador: Benavente, Cesar Augusto Ticona
Resumo: A produção de grãos de espécies de ciclo curto no ambiente de terra firme da Amazônia é limitada principalmente pela baixa fertilidade natural dos solos. Foi efetuado um experimento em Latossolo Amarelo distrófico da Estação Experimental de Fruticultura Tropical do Inpa, BR 174, município de Manaus, no ano de 2016. O suprimento de nutrientes para o cultivo foi pesquisado com a adição combinada de doses crescentes de pó de serra e biocarvão ao solo, nos níveis de 0, 40, 80 e 120 t ha-1. A cultivar do feijão-caupi “BRS Novaera” foi plantada por semeadura direta com espaçamentos de 0,50 x 0,25 m. As unidades experimentais foram de 5 x 5 m, totalizando 25 m2 e o ciclo da cultura completou-se aos 84 dias. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com arranjo fatorial 4 x 4, constituindo 16 tratamentos, com três repetições. As plantas foram avaliadas quanto ao número de nódulos, biomassa da parte aérea, biomassa das raízes, biomassa total e dos nódulos após a secagem em estufa a 65º por 72 h. Após a colheita, foram avaliadas as concentração de nutrientes e calculadas as estimativas de produtividade da cultura. A adição de biocarvão e pó de serra ao solo afetou seu desenvolvimento, a nodulação natural e a nutrição mineral em respostas a adição de biocarvão e pó de serra, com maior influência do biocarvão. O biocarvão favoreceu o desenvolvimento e nodulação das plantas na dose de 40 t ha-1, com produção de grãos de 2,1 t ha-1. Para pó-de-serra, esta produtividade foi obtida na dose de 80 t ha-1. A interação entre pó de serra e biocarvão também afetou a absorção de Fe, Zn e Mn nas folhas do feijão-caupi e a adição de 120 t ha-1 de biocarvão incrementou também a absorção de Ca+2 pelas plantas. O pó de serra favoreceu a absorção de N e P no nível de 120 t ha-1, Fe na dosagem de 40 t ha-1 e o Zn em níveis superiores a 80 kg ha-1.
Abstract: Grain production of short cycle species in the Amazonian mainland environment is limited mainly by the low natural fertility of soils. An experiment was carried out in a dystrophic Oxisol at Experimental Station of Inpa Tropical Fruit Production, BR 174, Manaus municipality, in the year 2016. The nutrient supply for the crop was investigated with the combined addition of increasing doses of sawdust and biochar at the levels of 0, 40, 80 and 120 t ha-1. The cultivar of cowpea (Vigna unguiculata) was "BRS Novaera", planted by direct seeding with spacings of 0.50 x 0.25 m. The experimental units were 5 x 5 m, totaling 25 m2 and the crop cycle was completed at 84 days. The experimental design was a randomized block design, with a 4 x 4 factorial arrangement, constituting 16 treatments, with three replications. At harvest the plants were evaluated for the number of nodules formed and the biomass of the aerial part, roots, total and of the nodules after drying in a greenhouse at 65º for 72 hours. After harvest, nutrient concentration in the leaves was determined for N, P, Ca, K, Mg, Fe, Zn and Mn, and estimates of crop yield were made. The addition of biochar and sawdust to the soil was determinant for cowpea affecting its development, natural nodulation and mineral nutrition in response to the addition of biochar and sawdust, with greater influence of biochar. The biochar favored the development and nodulation of the plants at the dose of 40 t ha-1, with grain yield of 2.1 t ha-1. For sawdust, this yield was obtained at a dose of 80 t ha-1. The interaction between sawdust and bio-carbon also affected the uptake of Fe, Zn and Mn in the leaves of cowpea and the addition of 120 t ha-1 of biochar also increased the uptake of Ca by plants. For the sawdust, there was favor in the absorption of N and P at the level of 120 t ha-1, but also of Fe at the dosage of 40 t ha-1 and the Zn at levels higher than 80 kg ha-1.
Palavras-chave: Vigna unguigulata
nodulação
produtividade de grãos
Latossolo
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Agricultura no Trópico Úmido (ATU)
Citação: Cedano, Johnny Carlos Campos. Biocarvão e pó de serra no cultivo do feijão-caupi (Vigna unguigulata) em solo de terra firme da Amazônia Central. 2017. 50 p. Dissertação( Agricultura no Trópico Úmido (ATU)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2614
Data de defesa: 5-Jul-2017
Aparece nas coleções:Mestrado - ATU

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
johnny_carlos_campos_cedano.pdf1,14 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons