Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2962
Tipo do documento: Dissertação
Título: Malária urbana :
Autor: Rocha, Ricardo da Costa
Primeiro orientador: Tadei, Wanderli Pedro
Abstract: O objetivo deste trabalho foi contribuir para o controle da Malária urbana em Coari, cidade situada no médio Solimões, com altas taxas de transmissão. Para tanto, realizou-se inquéritos entomológicos na área urbana e nas estradas Coari-Itapeua (rio Solimões) e Coari-Mamiá (Aeroporto), durante o ano de 2001. Os adultos foram capturados quando pousavam nas pessoas para se alimentar e as larvas foram coletadas em criadouros na periferia da área urbana e ao longo das duas estradas. O horário de captura foi predominantemente entre 18 e 22 horas e também coletas de doze horas. Obteve-se dados sobre a atividade de picar, endo e exofilia, taxa de infecção natural, níveis de zoo e antropofilia, correlações com parâmetros ambientais e avaliações das medidas de controle implementadas - termonebulização e biolarvicida. Os resultados evidenciaram que Anopheles darlingi é a espécie que predomina na área urbana, representando 97% dos anofelinos em contato com o home. A atividade de picar é mais intensa nos dois primeiros horários, permanecendo durante toda a noite. Foi constatada predominância de exofilia e acentuada antropofilia. A análise da infecção natural de A. darlingi foi de 4,5% na área urbana (um exemplar com Plasmodium falciparum) e de 0,2% na Estrada Coari-Mamiá (dois exemplares com P. vivax VK 210). A termonebulização não mostrou resultados satisfatórios quanto à redução da densidade de Anopheles darlingi, indicando que a modalidade motorizada não é adequada em Coari. Aplicou-se o biolarvicida cubano - Griselesf (Bacillus sphaericus 2362) na concentração de 10ml/m². Os resultados indicaram um potencial de redução baixo e a atuação não foi uniforme para todos dos criadouros tratados. A avaliação da efetividade do bacilo ficou prejudicada pois a aplicação coincidiu com pulso da vazante, período que é natural a redução da densidade larvária em conseqüência da diminuição do volume das águas. Os resultados deste trabalho evidenciaram que em Coari A. darlingi ocorre em altas densidades no pulso das enchentes, praticamente desaparecendo na vazante, havendo forte correlação entre os índices do vetor, cota do rio e precipitação pluviométrica. Considerando este padrão de ocorrência e que 97% dos anofelinos são A. darlingi na área urbana, estes dados são indicativos de que o sistema de vigilância da malária em Coari deve ter uma atividade contínua, ao longo do ano, para atingir um efetivo controle.
Palavras-chave: Malária -- Coari (AM) -- Transmissão | Anopheles -- Coari (AM) -- Controle
Idioma: por
País: Brasil
Sigla da instituição: INPA
Programa: Ciências Biológicas (Entomologia)
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/2962
Data de defesa: 2002
Aparece nas coleções:Mestrado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
ricardo da costa.pdf10,88 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.