Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/3060
Tipo do documento: Tese
Título: Diversidade, densidade e estratégias de sobreviência da passalidofauna (Coleoptera: Scarabaeoidea Passalidae) em um arquipélago fluvial sujeito a inundação periódica, na Amazônia Central
Autor: Mouzinho, José Romero Carvalho 
Primeiro orientador: Fonseca, Cláudio Ruy Vasconcelos da
Resumo: Foram estudados aspectos comportamentais de Passalidae em floresta ombrófila de planície aluvial em 10 ilhas periodicamente inundáveis no arquipélago de Anavilhanas, Estado do Amazonas, Brasil, no período de abril de 1996 a março de 1997. As coletas dos coleópteros foram realizadas diretamente em troncos em decomposição. Um total de 372 colônias pertencentes a 6 espécies foram obtidas. Passalus punctiger e Passalus abortivus foram mais abundantes (62,2% e 28,5% respectivamente). Passalus interstitialis com 4,9%, Passalus interruptus com 0,08%, Veturius transversus com 0,08% e Paxillus leachi com 4,1 completaram o total da fauna. Similaridade faunística no arquipélago foi observada com base no coeficiente de Jaccard, o maior grau de semelhança (100%) ocorreu entre as ilhas I, II, IV, VIII e IX, provenientes de recente colonização. Correlações estatisticamente significativas entre a freqüência de larvas de Passalus punctiger, Passalus abortivus e o ciclo hidrológico do rio na fase emersa do arquipélago (P 0.05 Pearson Rank Order Correlation) foram encontradas, indicando que a velocidade de reprodução e desenvolvimento nesse período, constitui uma das estratégias que garantem a sobrevivência dos Passalidae em floresta de planície aluvial. Nas coletas efetuadas às margens direita e esquerda do rio, a diversidade de Passalidae foi mais representativa. Dezoito espécies pertencentes a 4 gêneros foram encontradas. Passalus interstitialis foi a mais abundante. Considerando os diferentes nichos floresta de planície aluvial e de terra firme, a distribuição de espécies de Passalidae encontradas não foram ecologicamente iguais. Houve registro de 16 famílias botânicas com ocorrência de ataque desses coleópteros. Leguminosae com 17,5%, Annonaceae com 17,5% e Bombaceae com 12,5% foram as predominantes. Devido a influência do rio sobre a floresta inundada, houve indícios de uma grande quantidade de troncos com registro de uma único colônia, em deterimento da dispersão que possivelmente garante a sobrevivência das espécies. Correlações estatisticamente significativas da abundância de colônias em galerias abaixo da subcórtex, durante a fase submersa da floresta e a variação do nível das águas do rio (P 0.05 Pearson Rank Order Correlation), foram encontradas tanto para Passalus punctiger como para Passalus abortivus. Sob a influência da umidade e do constante deslocamento, provocado pela subida das águas sobre os troncos mortos em pé, colônias foram mais abundantes no intervalo de (0-1m) acima da superfície do igapó. Diferenças estatisticamente significativas entre a densidade de adultos de Passalus abortivus e a variação do nível do rio P 0.05 Kruskal - Wallis foi encontrada. .
Palavras-chave: Passalidae
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Coordenação de Pós Graduação (COPG)
Programa: Entomologia
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/3060
Data de defesa: 2000
Aparece nas coleções:Doutorado - ENT

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
jose.pdf21,15 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.