Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://bdtd.inpa.gov.br/handle/tede/719
Tipo do documento: Tese
Título: GENÉTICA, DISTRIBUIÇÃO E CONSERVAÇÃO DO GAVIÃO-REAL (Harpia harpyja) NO BRASIL
Autor: Santos, Aureo Banhos dos 
Primeiro orientador: Farias, Izeni Pires
Primeiro coorientador: Sanaiotti, Tânia Margarete
Primeiro membro da banca: Albuquerque, Jorge Luiz Berger
Segundo membro da banca: Anciaes, Marina
Terceiro membro da banca: Cavalcanti, Roberto Brandão
Quarto membro da banca: Aleixo, Alexandre Luis Padovan
Quinto membro da banca: Amaral, Fábio Sarubbi Raposo do
Resumo: O gavião-real ocorre nas florestas da região Neotropical e sua distribuição é ampla no Brasil, onde existem registros principalmente na Amazônia e Mata Atlântica. Entre esses biomas existe um corredor de vegetação aberta com conexões florestais, onde também existem alguns registros da espécie. As florestas brasileiras têm sido drasticamente reduzidas pela ação antrópica, o que tem promovido a perda de habitat para o gavião-real. Agravando ainda mais a situação, muitos indivíduos da espécie têm sido removidos da natureza. Esse intenso processo antrópico faz do gavião-real uma espécie vulnerável que ainda não teve seu status modificado na lista das espécies ameaçadas do Brasil e da IUCN, onde consta como quase ameaçada. O objetivo principal deste estudo foi determinar e avaliar a distribuição da variabilidade genética do gavião-real no Brasil. Assim, inferir sobre quais fatores históricos e atuais que determinaram essa distribuição. Para isso foi realizada uma análise conjunta dos dados genéticos da região controle do DNAmt e microssatélites nuclear em uma amostragem extensiva do gavião-real, com sexo determinado geneticamente. Uma série de análises que exploraram diferentes atributos dos marcadores moleculares foi realizada. Para os marcadores DNAmt foi encontrado diferenciação genética significativa entre as amostras de gavião-real da Amazônia e Mata Atlântica, enquanto que os microssatélites mostram alto nível de mistura populacional, indicando panmixia entre as regiões. Ambos os marcadores apresentaram altas taxas de fluxo gênico entre as regiões. Entretanto, o fluxo gênico com base nos dados de DNAmt foi unidirecional da Mata Atlântica para Amazônia, enquanto que os microssatélites foi bi-direcional, embora com maior taxa na direção da Amazônia. A diferença nos resultados dos marcadores sugerem uma maior dispersão dos machos e residência das fêmeas. Esse padrão de dispersão parcial pelos machos também foi corroborado por outras análises. As análises sugerem que o fluxo gênico entre a Amazônia e Mata Atlântica seja principalmente pelo leste da Amazônia. Os resultados das análises de coalescência evidenciaram que durante o Pleistoceno o gavião-real passou por longo período de redução populacional, seguido de um forte evento de expansão. Esses resultados foram corroborados pelos resultados de análises convencionais e filogeográfica. A diversidade genética encontrada para o gavião-real foi similar à reportada para espécies de aves ameaçadas, incluindo outros Falconiformes. Houve uma tendência forte de diminuição da diversidade genética do gavião-real ao longo do tempo, com grande redução da diversidade genética entre o passado e um período mais recente da Mata Atlântica. O fluxo gênico do gavião-real entre a Mata Atlântica e Amazônia na atualidade foi mais limitado, provavelmente devido à diminuição das conexões de floresta no corredor de vegetação aberta do Brasil entre esses dois biomas. As informações da presente tese podem servir como ferramenta para o refinamento de estratégias de conservação da espécie, especialmente no Brasil onde a distribuição da espécie é mais ampla.
Abstract: The harpy eagle occurs in the forests of the Neotropical region; it is widely distributed in Brazil where its occurrence has been principally registered in the Amazonian and Atlantic rainforests. Between these two biomes exists a corridor of open vegetation with forest connections where this species has also been registered. Brazilian forests have been drastically reduced by anthropogenic action which has resulted in the loss of habitat for the harpy eagle. Still further aggravating this situation, a large number of individuals have been removed from nature. These processes have resulted in the harpy eagle being a vulnerable species which, however, has not had yet its status changed on the Brazilian list of threatened species, and in IUCN where it is listed as near threatened. The principal goal of this study was to determine and evaluate the distribution of genetic variability of the harpy eagle in Brazil. To this effect, I carried out a joint analysis of mtDNA control region and nuclear microsatellite data obtained from an extensive sampling of the harpy eagle and with genetically determined sex. I then carried out a series of analyses that explores different attributes of the molecular markers. With the mtDNA markers I found significant genetic differentiation between samples of the harpy eagle from the Amazonian and Atlantic rainforests, while microsatellite markers showed high levels of population admixture indicating a panmixia of the regions. Both markers indicated high levels of gene flow between the regions. However, gene flow estimates based on mtDNA was unidirectional from the Atlantic rainforest to the Amazonia rainforest, while with microsatellite markers it was bidirectional, but with a higher migration rate in the direction of the Amazon rainforest. Differences in the results obtained from the two types of markers suggests higher rate of dispersal of males and more sedentary behavior of the females. This pattern of partial dispersal of males was also corroborated in other analyses. The analyses suggest that geneflow between the Amazonian and Atlantic rainforests is primarily via the eastern Amazon. The results of coalescent analyses demonstrated that during the Pleistocene the harpy eagle underwent a long period of a reduced population size followed by a strong expansion event. This result was corroborated by conventional and phylogeographic analyses. Genetic diversity encountered in the harpy eagle was similar to that reported in other threatened bird species, including other Falconiformes. There was a strong tendency of decrease of genetic diversity of the harpy eagle with time, with a large reduction in genetic diversity between now and the recent past in the Atlantic rainforest. Geneflow between harpy eagles of the Amazonian and Atlantic rainforests is currently more limited, most likely due to the diminishment of the forest corridors in open vegetation between the two biomes. The results and the information of this thesis can serve as instruments for the refinement of conservation strategies for this species, especially in Brazil where the distribution of this species is the greatest.
Palavras-chave: Marcadores Moleculares
Genética de Populações
Fluxo Gênico
Diversidade Genética
Falconiformes
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Sigla da instituição: INPA
Departamento: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva
Programa: Genética, Conservação e Biologia Evolutiva
Citação: SANTOS, Aureo Banhos dos. GENÉTICA, DISTRIBUIÇÃO E CONSERVAÇÃO DO GAVIÃO-REAL (Harpia harpyja) NO BRASIL. 2009. 187 f. Tese (Doutorado em Genética, Conservação e Biologia Evolutiva) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Manaus, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/719
Data de defesa: 3-Jun-2009
Aparece nas coleções:Doutorado - (GCBEv)

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Tese_Aureo_Banhos_Pt_1.pdf1,43 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.